Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os jogos e brincadeiras com elementos naturais como água, areia e terra, geralmente despertam muito o interesse das crianças, a partir dos primeiros anos, começam a manipular e transferir os conteúdos de um recipiente para o outro.

Quando são ainda pequenos, as explorações estão centradas na sensorialidade, especialmente no olfato e tato. Ficam encantados em brincar com água e areia, que são elementos mais sensoriais.

A areia, por exemplo, é um elemento com características próprias que produz sensações perceptivas particulares. Quando está seca, é possível senti-la ao tocar e deixá-la deslizar pelos seus dedos; quando úmida, sua textura muda, é áspera e rugosa,  permite várias construções, dando espaço para a introdução de materiais como pás, baldes, funis e recipientes variados.

A partir do segundo ano de vida, quando disponibilizados esses materiais para as crianças, elas começam a se relacionar com eles de forma diferente, suas ações e relações com esses materiais assumem uma importância especial, começam a estar ligadas ao controle motor.  Assim usam recipientes para transvazar, encher, esvaziar, distribuir em vários recipientes, construir, modelar, criam e recriam a partir desses materiais.

Texto de: Luciana Moura Zangaro
Diretora na Galileo Kids, escola especializada em Educação Infantil

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios