Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os jogos e brincadeiras com elementos naturais como água, areia e terra, geralmente despertam muito o interesse das crianças, a partir dos primeiros anos, começam a manipular e transferir os conteúdos de um recipiente para o outro.

Quando são ainda pequenos, as explorações estão centradas na sensorialidade, especialmente no olfato e tato. Ficam encantados em brincar com água e areia, que são elementos mais sensoriais.

A areia, por exemplo, é um elemento com características próprias que produz sensações perceptivas particulares. Quando está seca, é possível senti-la ao tocar e deixá-la deslizar pelos seus dedos; quando úmida, sua textura muda, é áspera e rugosa,  permite várias construções, dando espaço para a introdução de materiais como pás, baldes, funis e recipientes variados.

A partir do segundo ano de vida, quando disponibilizados esses materiais para as crianças, elas começam a se relacionar com eles de forma diferente, suas ações e relações com esses materiais assumem uma importância especial, começam a estar ligadas ao controle motor.  Assim usam recipientes para transvazar, encher, esvaziar, distribuir em vários recipientes, construir, modelar, criam e recriam a partir desses materiais.

Texto de: Luciana Moura Zangaro
Diretora na Galileo Kids, escola especializada em Educação Infantil

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.