Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Prefeitura de Cambé, em parceria com a deputada federal Luísa Canziani (PTB-PR), lança nesta quarta-feira (15/09) o Programa Wash (Workshop Aficionados em Software e Hardware), projeto que tem por objetivo promover a inclusão digital entre alunos da rede pública. A solenidade está marcada para às 10 horas, na Escola Municipal Prof. Lourdes Gobi Rodrigues, no Jardim Ana Rosa, e vai contar com a presença do prefeito Conrado Scheller, da deputada Luísa, de secretários e vereadores.

Inicialmente, o programa será ofertado para alunos do 5º ano do Ensino Fundamental como atividade de contraturno. Por meio da linguagem de programação, e com o auxílio de monitores, as crianças aprendem a programar jogos, a elaborar histórias animadas e a desenvolver programas interativos, que contribuem para o desenvolvimento do raciocínio lógico, aprendizagem da matemática, além de trabalhar valores como disciplina, persistência e bom comportamento.

O prefeito Conrado Scheller ressalta a importância de atividade como essa para os alunos da rede pública municipal de Cambé. “A gente sabe como é fundamental estar incluído neste mundo digital e da importância da inovação para o futuro das cidades e das pessoas. Precisamos preparar nossas crianças desde cedo para esse futuro que já está aí. Cambé dá um grande salto de qualidade em seu ensino com a chegada do Programa Wash”, celebra.

O Programa Wash foi viabilizado por meio de emenda parlamentar da deputada Luísa, executada via Fundação Araucária, e parceria com a Prefeitura, por meio das secretarias de Educação e Cultura. “Nosso objetivo é contribuir para o desenvolvimento pleno das nossas crianças e oferecer uma formação educacional que ampliem seus horizontes e as preparem para exercer profissões que ainda não existem”, salienta Luísa Canziani.

A secretária municipal de Educação e Cultura, Estela Camata, informa que a curto prazo a intenção é implantar o programa em outras três escolas que oferecem jornada ampliada, com oficinas de reforço escolar, de esporte e cultura, realizadas em período de contraturno. São elas: escolas municipais Pedro Tkotz, Cecília Meireles (Caic) e Santos Dumont. “Pretendemos oportunizar aos nossos alunos acesso à tecnologia e à informática, além de oferecer uma formação integral em ambiente escolar e saudável”, salienta. A partir do próximo ano, a intenção é levar o Wash para todas as escolas.

Programação

O Programa Wash foi desenvolvido pelo Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer (CTI - órgão vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações), que tem sede em Campinas (SP). Esse modelo é baseado em método científico utilizado no MIT (Massachusetts Institute of Techonology), nos Estados Unidos. Sob supervisão do CTI, o Wash foi implantado há dois anos como “piloto” na Escola Municipal Maestro Roberto Panico, na Zona Sul de Londrina, por meio de articulação da deputada Luísa, e desde então tem apresentado resultados muito positivos no desenvolvimento dos alunos.

Além de Cambé, o Programa Wash terá início neste ano em Centenário do Sul, Florestópolis, Cafeara, Prado Ferreira e Dr. Camargo (Região Noroeste). No entanto, a partir do ano que vem, o programa deve ser implantado em 15 municípios.

NCPMC

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.