Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Colégio Londrinense criou um projeto para estimular os alunos do Ensino Fundamental I a lerem mais. É o Programa de Incentivo à Leitura Londrinense (Pilelo), que vai premiar os alunos que atingirem as metas de livros lidos: 3, 10, 25, 40 e 60 títulos.

 “Estamos buscando o despertar para a leitura. Entendemos que ela é um dos pilares na formação dos nossos alunos, que vão escrever melhor, compreender melhor e interpretar melhor os conteúdos”, informa a coordenadora do Ensino Fundamental I, Márcia Aquino.

O Programa de Incentivo à Leitura foi lançado no dia 17 de outubro, durante a Feira do Livro, e faz parte das ações desenvolvidas pelo Projeto de Leitura do Colégio Londrinense e do Anglo Londrinense.

 “Ler é conhecer o mundo sem sair do lugar. Ler para conhecer palavras novas, para compreender e interpretar. Creio que o Pilelo é uma maneira desafiadora de aprimorar a habilidade da leitura e, como consequência, a aprendizagem dos alunos como um todo. Mais palavras, mais vocabulário, mais produção, mais argumentação, mais possibilidades de interação e conexão”, explica a professora Márcia Aquino.

60 livros em um ano

A leitura é um dos instrumentos mais importantes na formação de cidadãos conscientes, porque ensina, abre horizontes, constrói valores, forma e gera propagadores. E a construção de um país melhor passa necessariamente pelo aprimoramento intelectual de sua população.

 “O projeto é um desafio para os alunos lerem 60 livros em um ano, de outubro de 2019 a outubro de 2020. Durante as leituras, eles vão preencher uma ficha, comprovando a leitura, e receber adesivos para colocar em uma cartela. A cada meta de livros lidos (3, 10, 25, 40 e 60), eles recebem uma premiação. Aqueles que participarem de todo o desafio vão receber cinco prêmios”, finaliza a professora Márcia Aquino.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios