Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Somente inscritos que preencheram o Questionário do Estudante e realizaram o exame podem obter o diploma de graduação
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) antecipou para ontem, 23 de dezembro, a divulgação da lista de estudantes em situação regular no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de 2019. A data de publicação foi antecipada pelo instituto. A previsão inicial era que a divulgação acontecesse no dia 2 de janeiro de 2020.
Para ser considerado regular, o inscrito precisa ter preenchido o Questionário do Estudante e realizado a prova. Somente alunos habilitados que cumpriram essas etapas podem obter o diploma de graduação.
O Enade 2019 é destinado a estudantes concluintes de cursos de graduação. Ingressantes também são inscritos, mas não fazem o teste. Nesta edição, o exame registrou a inscrição de quase 1,2 milhão de estudantes ingressantes e concluintes, vinculados a mais de oito mil cursos avaliados.
Na edição deste ano, o exame avaliou os cursos de ciências agrárias, ciências da saúde e áreas afins; engenharias e arquitetura e urbanismo; e os cursos superiores de tecnologia nas áreas de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e de segurança.
Ausentes

O Inep também antecipou o período para justificativa de ausência no Enade. A partir desta terça-feira, 24 de dezembro, os estudantes inscritos na condição de concluintes que não compareceram ao exame por ocorrências de ordem pessoal ou compromissos profissionais devem fazer a solicitação de dispensa da prova, via Sistema Enade (link), para o coordenador de seu curso. O período para justificativa de ausência vai até 5 de fevereiro de 2020.
Nesse período, a instituição de ensino superior também poderá apresentar solicitações de dispensa em casos de ausência do estudante devido a compromissos acadêmicos vinculados ao curso avaliado pelo Enade ou por atos de responsabilidade da instituição, que serão analisados pelo Inep.
Em caso de dispensa autorizada, somente aqueles que preencheram o Questionário do Estudante vão conseguir regularizar a situação. A exceção é quando estudante habilitado não foi inscrito no edital ou não foi informado sobre a sua inscrição pela instituição de ensino.
Ascom/Inep

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.