Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

São ofertadas 100 vagas para o curso de bacharelado em Administração oferecido pelo Sebrae-SP

Os interessados em cursar o curso de Administração da Escola Superior de Empreendedorismo (ESE), mantida pelo Sebrae-SP, já podem se candidatar a uma das 100 vagas disponíveis para o primeiro semestre de 2021. O curso de bacharel tem uma duração prevista de oito semestres, totalizando 3,6 mil horas aulas e deverá ser feito presencialmente, na unidade da Escola Superior de Empreendedorismo, em São Paulo. As aulas começam no dia 8 de março.

Para concorrer ao processo seletivo, os candidatos poderão utilizar a nota do Enem, desde que tenham pontuação igual ou superior a 450 pontos e não tenham zerado a redação. Quem não fez o Enem, pode se candidatar por meio de uma redação, que será analisada por uma banca, que irá levar em consideração a apresentação do projeto de vida do candidato, de uma ideia ou de uma oportunidade, pessoal ou profissional, que pretende alcançar durante o curso, dentre outros aspectos.

Candidatos portadores de diplomas de graduação no ensino superior, devidamente regulamentado pelo MEC, ou que estejam cursando Administração em outra instituição também podem se inscrever no Processo Seletivo.

De acordo com Gustavo Cezário, gerente da Unidade de Cultura Empreendedora, o curso de Administração oferecido pela ESE possui um projeto pedagógico inovador. “Durante oito semestres, desenvolvemos nos alunos as competências empreendedoras a partir da prática com metodologias dentro e fora das salas de aula”, ressaltou Gustavo. Ele ainda destacou que, em todo o curso, é facilitado o acesso ao ecossistema empreendedor por meio de consultorias, hackathons, desafios de negócios, incubadoras, aceleradoras, capacitações, feiras e rodadas de negócios.

 “O Curso de Administração da ESE é focada, desde o primeiro semestre, no comportamento empreendedor e nas habilidades mais valorizadas deste século, preparando nossos estudantes para o futuro, mesmo neste cenário tão incerto. Os alunos podem contar com inúmeras oportunidades de já iniciarem negócios próprios durante o curso da faculdade, contando com todo o suporte e apoio da rede Sebrae nestes primeiros passos”, complementa Paulo Menezes, Gerente da Unidade de Cultura Empreendedora do Sebrae-SP e responsável institucional pela ESE.

Com um corpo docente diferenciado, formado por empreendedores, mestres e doutores com experiência empreendedora, especialistas em áreas de conhecimento e executivos de grandes empresas e startups de sucesso, a Escola Superior de Empreendedorismo pratica preços abaixo do mercado e oferece descontos nas mensalidades que variam de 40% a 60%.

Asimp/Sebrae

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios