Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Cerca de 40 mil certificados já foram entregues pela Escola de Governo desde a sua implantação, em 2016, por meio de 530 cursos ofertados; somente no primeiro semestre deste ano a EGL capacitou 470 turmas

A Escola de Governo de Londrina (EGL) emitiu, de janeiro a junho de 2021, um total de 10 mil certificados referentes a cursos e capacitações ofertados para servidores e população em geral. A marca alcançada representa o quantitativo recorde de emissões já realizadas, em um único semestre, pelo órgão que hoje é vinculado à Secretaria Municipal de Governo. Para celebrar a conquista, o certificado de número 10 mil deste ano foi entregue simbolicamente ontem (24), em um encontro no gabinete do prefeito Marcelo Belinati.

Os 10 mil certificados emitidos nesse período foram repassados por meio dos 530 cursos ofertados pela Escola de Governo, de forma virtual ou presencial, desde seu início, em 2016. Essa marca corresponde, aproximadamente, a um quarto dos 40 mil certificados já entregues pela EGL em suas atividades. Nos primeiros seis meses deste ano, a EGL capacitou cerca de 470 turmas, o que totaliza mais de 8.500 horas de cursos. O número é muito maior do que no mesmo período de 2020, que atendeu 208 turmas.

O prefeito Marcelo Belinati destacou que Londrina já teve diversas conquistas em razão da melhoria na eficiência da gestão da Prefeitura. “Um grande exemplo é que Londrina hoje tem a prefeitura mais transparente do Brasil, em função de uma gestão eficiente, da qualidade do servidor municipal e da qualificação dos nossos profissionais. A Escola de Governo faz uma belo trabalho neste sentido e isso deve ser ampliado, pois estamos cedendo 10 professores da Secretaria de Educação para atuar na EGL. A ampliação deste trabalho se reverterá em mais qualidade do serviço público, o que é muito benéfico para a população. Além disso, a Escola de Governo oferta cursos voltados à comunidade, como o de Gestão da Ansiedade, realizado recentemente, fundamental neste período de pandemia”, apontou.

No evento, quem recebeu o certificado 10 mil foi servidor municipal da Secretaria de Saúde, Pablo Henrique Bordão, que atua como médico na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Padovani/Vista Bela, na região norte. Ele participou do curso “Saúde da Criança: primeiros anos de vida”, voltado para a área de medicina da família e comunidade. A capacitação foi realizada entre abril e junho de 2021 e totalizou 40 horas em atividades desenvolvidas via plataforma on-line da Escola de Governo, utilizada por todas as secretarias e órgãos municipais.

“Os servidores que ministram os cursos da Escola de Governo são muito qualificados. Os cursos são atuais e muito importantes para a melhoria dos serviços prestados no município. A troca de experiências proporcionadas nestes cursos é muito rica, pois os ministrantes são pessoas que atuam no dia a dia do serviço público. Ter o servidor fazendo parte do ensino é muito enriquecedor, porque ele conhece de perto as características e individualidades da sua região e de seu local de trabalho”, ressaltou Pablo Henrique Bordão.

O secretário municipal de Governo, Alex Canziani, lembrou que os professores da Escola de Governo são servidores municipais altamente qualificados e que muitos deles são mestres, doutores e pós-doutores. “Essa marca de 10 mil certificados no primeiro semestre do ano é muito significativa e a nossa perspectiva é aumentarmos, ainda mais, este trabalho no próximo semestre, por meio de diversas parcerias. Além de proporcionar qualificação para os servidores, para que eles possam melhor atender os usuários, os cursos da Escola de Governo trazem ganhos para comunidade como um todo, que pode adquirir conhecimentos que podem melhorar a sua qualidade de vida e a sua empregabilidade”, apontou.

Segundo a professora, diretora e idealizadora da Escola de Governo, Andrea Beluce, atualmente cerca de 20 mil usuários estão cadastrados no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da Escola de Governo. Por conta da pandemia de Covid-19, o órgão precisou readequar sua atuação e remodelar o formato de oferta das atividades, migrando todas as ações para o sistema virtual. Assim, os cursos presenciais precisaram ser temporariamente suspensos, aumentando as demandas on-line e a procura do público.

“A solenidade realizada (hoje) celebra diversas conquistas da Escola de Governo. Além de comemorar a entrega de 10 mil certificados, em um período de seis meses, que foi um recorde, celebra a quantidade de cursos ofertados e a busca dos servidores e da comunidade externa pelas nossas capacitações. A EGL tem contribuído muito, não somente para a qualificação profissional dos servidores, como também por compartilhar o conhecimento, que muitos destes servidores têm, com a comunidade externa. Isso traz oportunidade de empregos e de aprofundar os conhecimentos”, destacou Beluce.

A Escola de Governo é formada por um grupo de professores e técnicos de gestão pública e conta atualmente com equipes pedagógica, técnico-adminstrativa, de certificação e também de criação. Os profissionais que integram as equipes são especialistas capacitados em educação on-line. A EGL já realizou parcerias com diferentes secretarias, órgãos e instituições, incluindo a Universidade Estadual de Londrina (UEL), Escola Nacional de Administração Pública e Escola de Gestão do Paraná, entre outros.

Investimento

Para fortalecer ainda mais os serviços prestados, a Escola de Governo recebeu, na semana passada, um importante incentivo: a chegada de um recurso de R$ 200 mil para a implantação do seu primeiro estúdio oficial de filmagem e edição de aulas on-line, podcasts e elaboração de materiais didáticos.

O recurso está sendo repassado pela Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia (SMPOT) e será utilizado para adquirir os equipamentos, incluindo novos computadores e equipamentos de informática, câmeras, microfones, tripés, mesa de som, recursos de áudio, itens de iluminação, além da atualização do o sistema tecnológico e softwares em um espaço com condições adequadas para as atividades.

Com isso, o objetivo é repaginar completamente a estrutura de produção da EGL. A sala do novo estúdio ficará na atual sede da Escola de Governo, localizada no prédio da Caapsml. A implantação deste espaço significa a estruturação de ferramentas técnicas que viabilizem a sistematização pedagógica para a criação de aulas e materiais virtuais do Município.

Entre os presentes na solenidade desta manhã, estiveram o vice-prefeito, João Mendonça; o chefe de Gabinete, Moacir Sgarioni; os secretários municipais de Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos, e de Agricultura e Abastecimento, Regis Choucino; o superintendente da Caixa de Assistência, Aposentadoria e Pensões dos Servidores Municipais de Londrina (Caapsml), Luiz Nicácio; o presidente da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), Marcelo Oguido; o ouvidor-geral da Prefeitura, Alexandre Sanches; a assessora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Mariângela Bianchini; os vereadores Jairo Tamura e Ailton Nantes; a presidente do Grupo de Líderes Empresarias (LIDE) do Paraná, Heloisa Garrett; o representante da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Paulo Sérgio de Camargo Filho.

Dayane Albuquerque e Renan Oliveira/NCPML 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.