Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Abraham Weintraub participa de sessão da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou que o trabalho realizado nos últimos oito meses demonstra o seu compromisso como gestor. “A gente vai mudar a realidade da educação e do ensino no país. Esse é o meu compromisso”, disse ontem, 11 de dezembro, em sessão da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

De acordo com o ministro, desde o início de sua gestão, em abril, o trabalho é para melhorar as iniciativas e estratégias da pasta. “Cheguei aqui [ao MEC] contingenciado, mas nenhuma escola ficou fechada e nenhum hospital universitário fechou. Entregamos tudo e mais do que foi prometido. Ninguém nega o meu compromisso como gestor”, afirmou.

Desde as 10 horas, o ministro responde a questionamentos de parlamentares. Weintraub também realizou uma apresentação de 45 minutos. O titular da Educação defendeu a autonomia universitária como forma de assegurar a liberdade de pesquisa, de ensino e de expressão.

É a oitava vez que o titular do Ministério da Educação (MEC) comparece ao Congresso Nacional desde que assumiu o cargo. Hoje, convocado para falar sobre uso de drogas nos campi universitários.

Combate à corrupção

O ministro afirmou que não há no MEC exemplo de falcatrua ou contratos irregulares. Ele destacou que as irregularidades encontradas no ministério são denunciadas.

“Nós mesmos denunciamos. Encaminhamos o que encontramos para Controladoria-Geral da União, Ministério Público ou Polícia Federal”, disse.

Asimp/Ministério da Educação

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios