Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Leandro Anselmo Todesqui Tavares é mestre e doutor em Psicologia. A obra concorre na categoria Ciência e Melhor Livro do Ano. Esta é a 63ª edição do Prêmio, criado e concedido pela Câmara Brasileira do Livro (CBL).

O livro “Psicanálise e Musicalidades: sublimação, invocações, laço social”, de autoria do professor Leandro Anselmo Todesqui Tavares, da Universidade Estadual de Londrina (UEL), está concorrendo ao Prêmio Jabuti 2021 na categoria Ciência e Melhor Livro do Ano, na mesma categoria. Tavares é do Departamento de Psicologia e Psicanálise – Centro de Ciências Biológicas/CCB). O livro (2020, 240 páginas) foi publicado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Esta é a 63ª edição do Prêmio, criado e concedido pela Câmara Brasileira do Livro. Os vencedores recebem um troféu e uma quantia em dinheiro.

Leandro Tavares é Mestre e Doutor em Psicologia pela Unesp/Assis e atua com Psicanálise (Lacan-Freud) desde 2004. É também músico autodidata. Além da obra que concorre ao Jabuti e vários outros artigos e capítulos, publicou também o livro “A Depressão como Mal-Estar Contemporâneo”.

O livro, lançado ano passado, é a versão de sua tese de Doutorado, defendida em 2014. Ao unir os diferentes saberes de Psicanálise e Música, o professor ampliou conhecimentos e a possibilidades de interface entre Psicologia e Arte, considerando que a música e a musicalidade estão associadas a eventos psíquicos fundamentais para a constituição do sujeito.

Ao adentrar a Metapsicologia, termo cunhado por Freud para designar uma teoria de relações entre consciente e inconsciente e o funcionamento psíquico, a musicalidade, para Leandro, realiza uma função importante nas relações socioculturais do indivíduo.

AEN

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.