Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou ontem (29) da homenagem do Governo do Paraná às escolas estaduais que alcançaram as melhores notas no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) em 2017. Ratinho Junior afirmou que o Paraná pode ser o estado mais moderno do Brasil e que isso depende, também, do bom desempenho da educação.

Ele afirmou que o avanço no Ideb retrata a melhoria do ensino e aprendizagem, tem repercussão na comunidade e impacta, inclusive, no desenvolvimento econômico e social do Estado. O crescimento do Paraná e do Brasil, afirmou, está ligado ao desempenho da educação.  Em todo o Estado,  106 escolas foram homenageadas pelo desempenho no Ideb. Neste encontro em Curitiba foram 45.

A entrega das placas aconteceu durante a abertura da terceira etapa do Seminário Aprendizagem em Foco 2019, promovido pela Secretaria de Estado da Educação. As escolas homenageadas pertencem a 15 Núcleos Regionais da Educação. Foram destacadas as melhores nas categorias ensino fundamental e ensino médio e as que apresentaram maior avanço no índice.

Planejar

Para o secretário de Estado da Educação, Renato Feder, é preciso conhecer o patamar em que a educação do Paraná se encontra para, então, planejar onde deverá chegar. Para isso, o Governo do Paraná vai criar uma prova diagnóstico, com a intenção de avaliar o desenvolvimento educacional.

“É uma avaliação da escola, para que o diretor e o quadro de pedagogos possam saber o que os estudantes estão aprendendo e quais são as dificuldades”, explicou Feder. Em março as escolas do Paraná devem receber as primeiras avaliações. A partir disso, os professores terão uma visão geral sobre quais habilidades a escola deve focar.

Melhorar condições

O governador Ratinho Junior também ressaltou projetos que estão sendo estruturados pelo Governo do Estado e que devem ajudar a melhorar as condições de aprendizagem.

“Vamos começar oferecendo segurança pública para as escolas. Em fevereiro, lançaremos o projeto Escola Segura, trazendo policiais da reserva da Polícia Militar para ficar na porta das unidades. Os profissionais vão nos ajudar a cuidar dos alunos e também dos professores”, explicou o governador.

Ratinho Junior mencionou outras duas medidas que estão em fase de implementação: o de reforço na alimentação dos estudantes e o de intercâmbio de professores e alunos, que dará oportunidade para conhecerem outros países.

Homenageadas

A Escola Estadual Ângelo Trevisan, de Curitiba, foi destaque principal entre as instituições de Ensino Fundamental. A diretora Célia Regina Guernieri destacou o trabalho coletivo no bom desempenho da instituição. “Quando a equipe está comprometida com a família, isso reflete diretamente no aprendizado do aluno”, disse ela.

O Centro Estadual de Educação Profissional Agrícola da Lapa, na Região metropolitana de Curitiba, teve a melhor nota em relação às instituições do ensino médio. “Somos um colégio agrícola que funciona em tempo integral. Além de estrutura física, o comprometimento dos professores faz a diferença no desenvolvimento educacional”, afirmou o diretor Eros Berg Ferreira.

A unidade com o maior avanço no Ideb foi o Colégio Estadual Doutor Afonso de Camargo, de Rio Azul, no Centro-Sul do Paraná. O colégio conquistou avanço de 2,6 pontos, entre os anos de 2015 e 2017. “O primeiro passo foi entendermos as razões pelas quais a nota estava baixa. A partir disso, estabelecemos diretrizes para melhorar e, consequentemente, a nota aumentar”, contou a diretora Gisele Machado.

Ceará

A vice-governadora do Ceará, Isolda Cela, que é mestre em Gestão e Avaliação da Educação Pública, proferiu palestra sobre a importância da liderança dos diretores nas escolas estaduais. “A atuação do diretor tem impacto direto na qualidade de ensino dos alunos, considerando que o bom profissional fará a gestão de pessoas e de processos na escola com esse foco, que é a missão institucional dos colégios”, disse ela.

Presenças

Participaram da solenidade o chefe da Casa Civil, Guto Silva; os deputados estaduais Hussein Bakri, Claudio Palozi, Alexandre Amaro e Elcio Jaime; o diretor da Fundepar, José Maria Ferreira; o chefe de gabinete do governador, Daniel Rocha; e a diretora-presidente do Teatro Guaíra, Mônica Rischbieter.

Seminário reuniu 1.200 profissionais da Educação

O encontro de Curitiba concluiu o Seminário Aprendizagem em Foco 2019, que foi dividido em três etapas e reuniu cerca de 1200 diretores das escolas da rede estadual, chefes dos Núcleos Regionais de Educação e técnicos pedagógicos, para debater assuntos ligados ao ensino e realizar troca de experiências.

As duas outras etapas foram em Faxinal do Céu, no município de Pinhão (Centro-Sul), na semana passada. Em Curitiba, participaram profissionais dos Núcleos Regionais da capital e pedagogos e chefes dos Núcleos Regionais da Educação de Apucarana, Cornélio Procópio, Ibaiti, Irati, Jacarezinho, Londrina, Maringá, Paranaguá, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, União da Vitória, Wenceslau Braz, municípios da área Metropolitana Norte e Metropolitana Sul.

“Faremos encontros e oficinas frequentes com os Núcleos Regionais. Queremos atuar juntos, formando uma grande rede de ensino da educação”, disse o secretário da Educação, Renato Feder.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL