Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ações com os alunos da rede municipal, em prol do crescimento e da construção de identidade pessoal, social e cultural, ganharam as páginas de revista especializada, a Nova Escola

Ter acesso à educação de qualidade desde cedo é um direito de todos e pensando em melhorar cada vez mais a aprendizagem das crianças de zero a 5 anos de idade, o município de Londrina tem investido no desenvolvimento dos conhecimentos, das competências e das habilidades no ensino infantil e fundamental.

Um exemplo disso são as atividades ministradas nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e nos Centros de Educação Infantil (CEIs) de Londrina, que ganharam destaque nacional. Isso porque, as práticas com os alunos da rede municipal, em prol do crescimento e da construção de identidade pessoal, social e cultural, ganharam as páginas de uma das principais revistas especializadas em educação do Brasil, a Nova Escola.

Em sua versão digital e imprensa, o veículo de comunicação apresenta as ideias utilizadas pelos professores com as crianças do ensino infantil e fundamental. Experiências como os cuidados com o próprio corpo, interações em frente ao espelho, jogos de imitação, pintura, brincadeiras com água, cores, texturas, e linguagens vivenciadas na instituição escolar e em seu contexto familiar e comunitário foram algumas delas.

Foram utilizadas como exemplos positivos das ações curriculares os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) Water Okano, Laura Ribeiro Vergínia De Carvalho, Abdias Do Nascimento e Malvina Poppi Pedrialli e o Centro de Educação Infantil filantrópico (CEI) Irmãs de Betânia.

Para a gerente de Educação Infantil de Londrina e coordenadora da etapa da educação infantil no Programa para a construção do referencial para a Base Nacional Comum Curricular (Pró-BNCC), no Estado do Paraná, Ludmila Dimitrovicht, a divulgação nacional das atividades pedagógicas desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Educação de Londrina demonstra a grande relevância do trabalho que vem sendo executado pela rede municipal de ensino de Londrina.

“Vemos essa repercussão nacional de forma muito positiva, porque, para nós, é o reconhecimento do trabalho que estamos desenvolvendo na rede municipal de educação. Fomos um dos primeiros municípios do Brasil a entregarmos as análises para a implantação da BNCC na educação infantil e fomos muito elogiados pelos demais estados e pelo Ministério da Educação”, explicou Ludmila.

As diretrizes elencadas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) servem de norte para as experiências pedagógicas praticadas com os alunos todo o país. E, para isso, estimulam seis direitos de aprendizagem que são: os direitos de conviver, brincar, participar, explorar, expressar-se e conhecer-se. O objetivo dos especialistas que ajudam na construção desse documento é apresentar as diversas áreas de conhecimentos correspondentes às demandas de cada faixa etária, de forma que todos estejam preparados para o futuro.

NCPML

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.