Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Além do Times Higher Education (THE), instituição também foi citada no Center for World University Rankings (CWUR); Universidade é vanguarda no Paraná e no Brasil no quesito “internacionalização”

Um dos principais rankings universitários internacionais, o Times Higher Education (THE) divulgou recentemente a lista das melhores universidades do mundo. Além de estar dentre as 46 instituições brasileiras citadas no levantamento, a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) foi a única universidade privada do Paraná classificada no ranking.

A PUCPR ocupa a 13ª posição em nível nacional e se destaca principalmente nos indicadores: “internacionalização” (proporção de estudantes e professores estrangeiros e colaboração internacional), citações (impacto internacional da pesquisa) e “relacionamento com a indústria” (transferência de conhecimento). Recentemente, a instituição também foi citada como uma das melhores universidades do Brasil e do mundo de acordo a lista do Center for World University Rankings (CWUR) para 2019-2020.

 “As boas colocações em rankings de prestígio internacional são resultado do foco da universidade em pesquisa e na busca constante por excelência em diversos níveis”, destaca Paula Cristina Trevilatto, pró-reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação.

Internacionalização

A PUCPR é destaque na categoria internacionalização: a instituição é a 11ª colocada no quesito nacionalmente e a melhor colocada entre as universidades do Paraná.

A boa colocação é resultado de um projeto de longo prazo: a PUCPR assumiu esse desafio quando elegeu a internacionalização como prioridade, orientada pelos valores fundamentais da multiculturalidade, inclusão, inovação e presença solidária. Esta decisão está traduzida no Plano Institucional de Internacionalização, vigente desde 2016, que elenca uma série de estratégias.

"Internacionalizar uma universidade não é um processo natural e espontâneo; pelo contrário, são necessários comprometimento e recursos para superar barreiras em um país não-anglófono de pouca tradição de abertura global em diversos setores da sociedade”, diz Marcelo Távora Mira, diretor do PUCPR International.

“Embora o MEC atualmente favoreça a criação de cursos de graduação e pós-graduação em diferentes modelos experimentais, o reforço na disseminação da língua inglesa – como fator de inclusão internacional – e a adoção de uma postura de maior abertura para a comunidade internacional certamente favorecerão a inclusão do Brasil no mundo da educação sem fronteiras", conclui Mira.

O Times Higher Education World University Rankings (THE), fundado em 2004, fornece a lista das melhores universidades do mundo. Sua metodologia foi desenvolvida após mais de uma década de trabalho em consulta com as principais universidades do mundo. Para participar da avaliação, as instituições de ensino superior devem cumprir uma série de requisitos.

Asimp/PUCPR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios