Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Comissão de Educação do Senado aprovou ontem (20) relatório do senador Flávio Arns (Rede-PR) favorável ao projeto de lei que garante mais recursos para a educação especial no cálculo do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).

De autoria do então deputado federal Luiz Henrique Mandetta, atual Ministro da Saúde, o PLC 18/2018 traz duas mudanças importantes: garante à educação especial o maior valor aluno/ano em relação aos recursos do Fundeb e determina que a modalidade deverá ter atendimento prioritário na aplicação dos recursos do Fundo.

“Com essas mudanças, estamos reconhecendo a necessidade de mais investimentos para a educação especial, uma vez que essa modalidade conta com especificidades que demandam mais recursos. É uma importante conquista para a área”, comentou Arns.

A matéria segue para análise da Comissão de Assuntos Econômicos. “Vamos acompanhar a tramitação e mobilizar esforços para que seja aprovada em breve pelo Senado”, ressaltou o senador paranaense.

Greicy Pessoa/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.