Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Intenção é capinar e roçar as escolas, podar árvores, limpar os espaços, pintar os muros e fazer outras adequações necessárias em todas as unidades escolares municipais de Londrina

Na última sexta-feira (20) o Prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, e a secretária municipal de Educação, Maria Tereza de Moraes, lançaram a “Operação Volta às Aulas”. A solenidade foi na Escola Municipal Carlos Kraemer, localizada na Rua Tremembés, 791, no Jardim Castelo.

A ação engloba uma força-tarefa para os serviços de capina, roçagem, poda de árvores, pintura de muros, limpeza e outras adequações que precisam ser feitas nas sedes das escolas municipais e nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de Londrina. A intenção é que todas as 120 unidades escolares passem por esse mutirão e possam receber as crianças nas voltas às aulas. “Montamos essa operação para atendermos as escolas em um grande mutirão, em que vamos lavar as escolas, cortar o mato e pintar o muro, para dar uma nova cara às voltas às aulas”, disse Marcelo.

Neste sábado (21), a partir das 8 horas, 20 unidades escolares serão atendidas pelo mutirão. De segunda-feira (23) a quarta-feira (25), outras 37 escolas receberão a limpeza e melhorias, sendo que a expectativa é que até o dia 31 de janeiro todas as unidades da rede municipal de ensino tenham sido contempladas. “É uma ação importante para o município, porque envolve o Poder Executivo, a comunidade escolar e toda a sociedade organizada, mobilizando as pessoas para que estes espaços estejam bem cuidados e permaneçam preservados durante o ano para acolher os alunos e funcionários”, explicou a secretária de Educação.

A primeira unidade a receber a limpeza foi a Escola Municipal Carlos Kraemer. Ela foi inaugurada em 1971 e, atualmente, 570 crianças estão matriculadas. Para a diretora Suelan Rodrigues Petrini, o mutirão de limpeza anima tanto os funcionários da escola quanto às crianças que voltam das férias para mais um ano letivo. “Essa limpeza ativa bastante os ânimos da escola e das crianças, além de ser muito importante porque está sendo feita através do estabelecimento de parcerias, que podem vir a ajudar no futuro”, enfatizou.

A operação, que teve como idealizador o deputado federal Alex Canziani, conta com a ajuda de diversos órgãos municipais e entidades parceiras. “Quando começou a seleção para a escolha da nova secretária municipal de Educação, discutimos sobre a importância de realizarmos uma ação para limparmos as escolas para o início das aulas. Hoje, vemos com muita alegria esse projeto sendo lançado pelo prefeito. Agora, vamos em busca de mais recursos para novas melhorias”, afirmou Canziani.

A operação está sendo possível graças ao envolvimento dos funcionários da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), da Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina (ACESF), da Universidade Estadual de Londrina (UEL), dos integrantes do Centro de Reintegração Social de Londrina (CRESLON), do Patronato Penitenciário de Londrina, da empresa Hidromaster e Restaurante Norte Sul.

De acordo com o prefeito, o mutirão de volta às aulas é apenas o primeiro passo que a gestão pretende dar. “Nosso objetivo não é somente esse. Queremos promover a reforma de todas as escolas municipais”, ressaltou Marcelo. Para isso, está sendo feito um levantamento técnico a respeito das unidades escolares e suas necessidades. Através do documento, os técnicos elaborarão um planejamento de trabalho com as ações de melhorias e reformas a serem feitas nos próximos quatro anos.

Segundo Maria Tereza, a Secretaria Municipal de Educação está analisando a possibilidade de utilizar R$ 13 milhões advindos de contrapartidas de grandes empreendimentos imobiliários para dar início às reformas ainda no primeiro semestre deste ano.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios