Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Educando na Fé 17/10/2012  08h40

Ecumenismo mundial

Apontado pela Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF) como “referência no ecumenismo mundial”, o Templo da Boa Vontade completa 23 anos em 21 de outubro. No sábado, dia 20, a partir das 17 horas, comandarei a sessão solene das festividades. O evento será transmitido pela Boa Vontade TV (canal 23 da SKY) e por toda a Super RBV de Comunicação (TV, rádio e internet).

Sou grato aos milhares de peregrinos e simpatizantes que estão mandando suas mensagens. Eis algumas delas:

“No que concerne à ação para a Paz e para a educação da nova geração, em especial a do século 21, em seu meio, o trabalho do TBV representa um exemplo a ser seguido por todos. Caros amigos, com meus votos de sucesso, eu os felicito por ocasião do 23º aniversário do TBV” (Bardhyl Selimi, esperantista e professor universitário na Albânia).

“A presidência da Sociedade Alemã Internacional Esperantista de Ulm parabeniza o valoroso trabalho de vocês e deseja que a ação no Templo da Boa Vontade seja frutífera. Com saudações coidealísticas da Alemanha!” (Michael J. Scherm, professor).

“Com prazer, envio minhas felicitações por ocasião do 23º aniversário do Templo da Boa Vontade. Viva a ação dos que batalham pela Paz!” (Prof. dr. Hans Michael Maitzen, astrônomo, presidente honorário da Federação Austríaca de Esperanto e representante da Associação Universal de Esperanto na sede da ONU em Viena, Áustria).

“Visitei pessoalmente o Templo durante uma viagem em 2002. Impressionou a mim e à minha esposa a sensação de boa energia que paira nesse Templo. Fazem-se necessários no mundo atual locais, como esse, que oferecem coisas boas. A Humanidade está carente dessas ações. Desejo a vocês longa vida e que continuem a fazer o Bem” (Normand Fleury, técnico em botânica no Canadá).

“Envio-lhes de coração esta mensagem de saudação da distante China, desejando a todos que, pelo seu esforço, seja permanente o funcionamento do TBV em prol da Humanidade. Oro para que a Paz entre os homens — propósito ao qual vocês se dedicam diariamente — também permaneça abundante em seus corações” (Gabrielo Olubunmi Osho-davies, professor de inglês na China).

JESUS, O ETERNO EDUCADOR

Em 15 de outubro, comemoramos o Dia do Professor. Para homenageá-los, apresento este trecho de meu livro “É urgente reeducar!”.

Tudo tem o seu tempo. Jesus, o Cristo Ecumênico e Divino Estadista — inspirador modelo de dedicação ao próximo com o qual inúmeros heróis do ensino se identificam — permanece!

Ele disse: “Passará o Céu, passará a Terra, mas as minhas palavras não passarão” (Evangelho segundo Lucas, 21:33).

Alguém pode exclamar: “Mas e minha mãe, e meu pai, e os companheiros que partiram?!...”

Mas quem disse que eles se foram?! Apenas ocorre o que descreveu o talentoso escritor e poeta português Fernando Pessoa (1888-1935): “A morte é a curva da estrada. Morrer é só não ser visto”.

Ora, na verdade, os mortos não morrem!

É preciso esclarecer, então, que nessa minha assertiva procuro exaltar o sentido do que realmente é perene neste mundo: o Amor Fraternal, exemplificado pelo Divino Mestre em sacrifício por todos nós. O verdadeiro Amor nunca se extingue, ipso facto, persiste, mesmo durante as piores tormentas.

José de Paiva Netto — Jornalista, radialista e escritor.

paivanetto@lbv.org.brwww.boavontade.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios