Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Palmeiras visitou o Vitória no Barradão, em Salvador, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, e, mesmo correndo durante todos os 90 minutos, não conseguiu evitar o revés fora de casa.

Com Borja e Mina convocados pela Seleção Colombiana, o técnico Alberto Valentim voltou a escalar Juninho na zaga, ao lado de Edu Dracena. A grande novidade no ataque foi a presença de Erik, que se juntou a Dudu e Keno – a outra opção além de Borja era Deyverson, que cumpre suspensão nesta rodada por ter recebido cartão vermelho no último duelo do Palmeiras pelo Brasileirão, contra o Corinthians.

O time da casa começou impondo pressão diante do Palmeiras e conseguiu abrir o marcador logo aos cinco minutos de jogo. Após receber de Tréllez dentro da área, o meia Yago chutou forte contra a meta de Fernando Prass, de pé esquerdo, e abriu o placar. (Vitória 1x0 Palmeiras)

A equipe baiana encontrou o seu segundo gol, aos 14 minutos, com Tréllez: a zaga palmeirense não conseguiu parar o atacante do Rubro-negro e, cara a cara com Fernando Prass, sofreu o gol. (Vitória 2x0 Palmeiras)

O Verdão respondeu aos 19 minutos com Dudu. O capitão palmeirense aproveitou bola sobrada na pequena área após drible de Keno em Geferson, para, de cabeça, vazar o adversário fora de casa. (Vitória 2x1 Palmeiras)

O Vitória conseguiu invadir a grande área palmeirense aos 39 minutos e Yago, novamente, balança as redes de Fernando Prass, após dividida com Juninho, saindo da cobertura de Tchê Tchê e fechando o placar do jogo. (Vitória 3x1 Palmeiras)

Apesar da derrota, o Verdão continua como o quarto colocado do Campeonato Brasileiro, com 54 pontos – três a mais do que o Botafogo, quinto colocado.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.