Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Gabriela Tardivo faturou a medalha de bronze na competição disputada no último final de semana, no Equador

Gabriela de Freitas Tardivo conquistou no último final de semana a medalha de bronze no Campeonato Sul-Americano de Cross Country, disputado em Guayaquil, no Equador. A jovem promessa da equipe Londrina/IPEC fechou a prova dos 4 Km da categoria Sub-18 com o tempo de 15min52seg.

A exemplo do que já havia feito na vitória na Copa Brasil, no início deste mês, Gabriela precisou mostrar força e resistência para superar adversárias mais experientes na categoria em que competiu, a sub-18.

“Essa conquista tem um sabor especial. Foi uma prova bastante dura, mas conseguimos superar e alcançar uma medalha. Estou muito feliz”, falou a atleta.

Essa foi a terceira medalha da atleta em competições internacionais. No final do ano passado, Gabriela, de apenas 14 anos, já havia trazido na bagagem outros dois bronzes no Sul-Americano Escolar, nas provas dos 800 e 2000 metros. “Agora é seguir treinando de olho no restante da temporada”, projetou a atleta, que é natural de Campo Largo e é treinada por Cristiano Ribeiro.

Para o técnico Gilberto Miranda, a conquista em solo equatoriano mostra que Gabriela, recordista brasileira nos 1000 metros com obstáculos na categoria sub-16, pode crescer também no cross country. “Ela mostrou muita força e resistência, e tem crescido muito nessa modalidade. É um nome que pode render bons frutos para o Brasil no futuro”, analisou o treinador da equipe Londrina/IPEC.

Rafael Souza/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios