Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Jovane Guissone ganhou medalha de prata na prova da espada na Esgrima em Cadeira de Rodas. O nadador Eric Tobera, classes S4, garantiu bronze na prova de revezamento 4x50 livre misto.

Atletas do Programa Geração Olímpica, do Governo do Estado, conquistaram duas medalhas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Jovane Guissone ganhou medalha de prata na prova da espada na Esgrima em Cadeira de Rodas e o nadador Eric Tobera, classes S4, garantiu bronze na prova de revezamento 4x50 livre misto.

Nascido no Rio Grande do Sul, Jovane compete pela Associação dos Deficientes Físicos do Paraná (ADFP), com sede em Curitiba. Guissone disputou a final contra Alexander Kuzyokov e o cujo placar final foi 15 a 8, favorável ao representante do Comitê Paralímpico Russo. “Eu estou feliz, joguei solto, coloquei em prática o que treinei e voltar com uma medalha no peito é fruto de muita dedicação”, ressaltou Guissone.

Trajetória até a Prata

Após realizar uma excelente primeira fase com quatro vitórias e uma derrota, Jovane Guissone garantiu classificação para as quartas e venceu o iraquiano Ali Ammar por 15 a 10. Nas semifinais, ele derrotou o britânico Dimitry Coutry pelo placar de 15 a 13 com direito a uma virada. A medalha em Toquio é a segunda conquistada por Jovane Guissone para a esgrima em cadeira de rodas do Brasil. Ele foi ouro em Londres 2012.

Em julho desse ano, Jovane participou do podcast da Paraná Esporte e já falava da expectativa de conquistar medalha nos Jogos Paralímpicos em Tóquio.

Bronze na Natação

O nadador Eric Tobera, classes S4, garantiu medalha de bronze na prova de revezamento 4x50 livre misto - 20 pontos, que representa a soma das classes funcionais dos quatro atletas que competem. O curitibano disputou as eliminatórias e classificou o Brasil para a final. Já na final, o time do Brasil teve outra formação.

De acordo com o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), quem disputa as classificatórias também recebe a medalha, mesmo que não suba ao pódio. Tobera conquistou o bronze com o time composto por Daniel Dias, Patrícia Pereira dos Santos, Joana Neves e Talisson Glock – os quatro que caíram na piscina na final – e Laila Zuzigan e Gabriel Melone, que fizeram a eliminatória com Tobera. A equipe brasileira finalizou a prova com o tempo de 2min24s82.

Programa

O programa do Governo do Estado, desenvolvido pela Superintendência Geral do Esporte, o Geração Olímpica e´a maior iniciativa em nível estadual de incentivo ao esporte na modalidade bolsa-atleta do País. Em 2021, está completando dez anos e, nesse período, mais de dez mil atletas e técnicos do Paraná receberam bolsas em forma de apoio financeiro. Neste ano, 35 bolsistas representam o Paraná nas Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio, maior delegação já alcançada pelo Estado na história da maior competição global do esporte.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.