Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Piloto mostrou superioridade durante todo campeonato e garantiu o segundo título seguido com 87 pontos de vantagem. Com os resultados do final de semana, equipe Honda Racing novamente é campeã e consolida o domínio na temporada

Londrina.

Neste domingo, dia 11, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina, o piloto Eric Granado (#51) sagrou-se bicampeão do SuperBike Brasil após conquistar a sétima vitória na competição e chegar aos 220 pontos. Na temporada, o melhor piloto em atividade no Brasil ainda garantiu seis SuperPoles e fez história ao estabelecer os novos recordes no Autódromo de Interlagos, em duas etapas, e também na pista de Goiânia.

A ampla vantagem de 87 pontos de Granado para o segundo colocado rendeu ao piloto da equipe Honda Racing Brasil o título do principal campeonato de motovelocidade das Américas com uma etapa de antecipação. A 8ª e última etapa acontece no dia 2 de dezembro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Acelerando forte a Honda CBR 1000RR Fireblade SP, Eric Granado dominou todo o final de semana em Londrina. Após ser o mais rápido nos treinos livres de sexta-feira (09), nos classificatórios de sábado (10) e garantir a SuperPole, o campeão do SuperBike recebeu a bandeirada do título com 8s096 segundos de vantagem para Maxi Gerardo, segundo colocado, e 19s248 de Danilo Lewis, terceiro.

“Estou muito feliz com esse título do SuperBike Brasil em 2018. Foi um ano onde começamos com uma moto nova e ao longo da temporada fomos evoluindo e conseguindo muitas vitórias. Só tenho a agradecer a equipe Honda Racing Brasil, aos meus patrocinadores, à minha família, minha namorada e amigos. Sem eles nada disso seria possível. Foi um ano praticamente perfeito e quero chegar na última etapa em Interlagos para conseguir mais duas vitórias”, revelou o bicampeão do SuperBike que chegou ao 12º título na carreira, onde acumula 239 corridas, 63 vitórias, 106 pódios, 40 poles e 60 voltas mais rápidas.

Companheiro de Eric Granado na equipe Honda Racing Brasil, Pedro Sampaio (#28) terminou a corrida em 4º lugar e chegou aos 129 pontos no campeonato, permanecendo na terceira colocação geral.

“Terminei em quarto lugar aqui em Londrina e vou trabalhar forte para evoluir nas próximas corridas em Interlagos. Meu objetivo é ficar segundo lugar na classificação geral, algo bem possível. Tenho potencial para fazer essa dobradinha para a equipe Honda”, revelou o estreante da modalidade logo após a corrida.

Reinaldo Campos, chefe da equipe Honda Racing Brasil celebrou o bicampeonato de Eric Granado no SuperBike com uma etapa de antecipação e elogiou o empenho dos pilotos durante a temporada nos ajustes da Honda CBR 1000RR Fireblade SP.

“Já sabíamos que iríamos conseguir o título, mas antes da bandeirada não podíamos comemorar. A superioridade do Eric foi notória e conseguimos mais um título. O Pedro Sampaio também foi muito bem, terminou em quarto e agora vamos para Interlagos, na última etapa, para consolidar a conquista com mais duas vitórias”, destacou.

Os pilotos oficiais da equipe Honda Racing Brasil são patrocinados pela Mobil, Alpinestars e D.I.D.

Outras Categorias

Copa Honda CBR 500R

Não faltou emoção na Copa Honda CBR 500R e Enzo Valentim (#59), que já havia garantido a pole no sábado (10), conquistou o primeiro lugar na classificação geral em disputa acirrada com Ademilson Peixer (#43), que cruzou em segundo lugar. Arthur Costa (#99) foi o terceiro colocado, Raphael Ramos (#90) o quarto e Indiana Muñoz (#199) fechou os cinco primeiros colocados.

Com o resultado da 7ª etapa em Londrina, a disputa pelo título geral da competição ficou embolado.

Ademilson Peixer assumiu a ponta com 126 pontos, seguido de Arthur Costa com 123 pontos e Enzo Valentim com 112. Indiana Muñoz chegou aos 106 e Fábio Florian encerrou a 7ª etapa com 96 pontos.

A 8ª e última etapa da Copa Honda CBR 500R acontece no dia 2 de dezembro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Junior Cup

A corrida da categoria Junior Cup – criada para a formação de jovens talentos e voltada para crianças e adolescentes de 08 a 16 anos – também foi emocionante e decidida nos últimos metros no Autódromo de Londrina (PR). Caique Lanna (#91) conseguiu ultrapassar Theo Manna (#77) praticamente na linha de chegada, venceu a 7ª etapa e embolou a disputa pelo título do campeonato.

Davi Gama (#6) ficou com o terceiro lugar, João Henrique Fascineli (#13) na quarta colocação e Eduardo Burr (#8) completou os cinco primeiros colocados. João Arratia (26), que largou em primeiro e brigava pela ponta, escorregou na terceira volta e precisou abandonar a prova.

Com o resultado, a decisão do título da categoria ficou acirrada e será decidida no dia 2 de dezembro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, na 8ª e última etapa da competição.

Resultados – (11/11/2018):

SuperBike 1000cc – CORRIDA

1.    Eric Granado – Honda Racing Brasil,

2.    Maxi Gerardo, a 8.096

3.    Danilo Lewis, a 19.248

4.    Pedro Sampaio - Honda Racing Brasil, a 25.920

5.    Wesley Gutierrez, a 43.860

Copa Honda CBR 500R – – CORRIDA

Enzo Valentim (500T),

Ademilson Peixer (500), a 0.094

Arthur Costa (500), a 0.250

Raphael Ramos (500LT), a 0.666

Indiana Muñoz (500F), a 1.097

Fábio Florian (500T), a 2.098

Marcelo Moreno MM (500E), a 3.231

Luiz Felipe (500LT), a 3.403

João Carneiro (500LT), a 8.747

Mauricio Mendes Nogueira (500), a 12.681

Honda Junior Cup – – CORRIDA

1.    Caique Lanna,

2.    Theo Manna, a 0.025

3.    Davi Gama, a 0.234

4.    João Henrique Fascineli, a 17.755

5.    Eduardo Burr, a 20.349

6.    João Teixeira, a 23.674

7.    Bia Valverde, a 24.857

8.    Brayann Silva, a 25.324

9.    Enzo Maccapani, a 25.731

10. Pedro Balla, a 50.037

Asimp/Honda Racing Brasil

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios