Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Prefeitura de Londrina, por meio da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), iniciou nesta terça-feira (28) os trabalhos de descompactação e fertilização do gramado do Estádio Municipal Jacy Scaff, mais conhecido como Estádio do Café, que fica na Av. Henrique Mansano, 889, no Jardim dos Alpes (zona norte). O objetivo é proporcionar mais qualidade para a grama, de forma que haja maior absorção dos nutrientes e de adubos, aumentando a resistência do gramado durante o inverno.

Para isso, é necessária a descompactação e aeração da grama com um maquinário específico, que perfura o gramado, no mínimo, 15 centímetros de profundidade. Assim, é possível eliminar o excesso de grama conhecido como “colchão”, regularizar o piso do gramado e rejuvenescê-lo ao fazer surgir novos brotos. Além disso, a ação ajuda no controle de pragas e na dispersão de compostos orgânicos que nutrem o solo, por isso, a empresa também fertilizará o gramado.

O presidente da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), Sandro Henrique dos Santos, explicou que o serviço é realizado com frequência nos estádios de futebol, pois ele garante maior durabilidade e qualidade ao gramado tão utilizado pelos jogadores. “O solo compactado impede a infiltração de água e dificulta a absorção dos nutrientes necessários para o crescimento da grama e a própria drenagem. Por isso está sendo feita a descompactação do solo agora e será refeita daqui a 6 meses. Quando o prefeito Marcelo Belinati assumiu essa gestão, isso não estava sendo feito e até criou uma camada de argila embaixo. Por isso que, apesar de o gramado ser novo, ele antes não estava com as condições adequadas”, explicou.

Foto: Vivian Honorato

Ao todo, o serviço vai contemplar 11.000 metros quadrados, sendo 8.800 metros quadrados do campo e 2.200 metros quadrados de seu entorno. m² de entorno. A empresa vencedora da licitação, na modalidade Pregão Presencial, foi a Grasstecno Gramados, Paisagismo e Serviços Ltda. Ela receberá o equivalente a R$ 57.400,00 para executar os trabalhos. O valor inicial era de R$ 66.966,66, porém com o processo licitatório a Prefeitura conseguiu economizar quase 15%, ou seja, obteve uma economia real de R$ 9.566,66.

N.Com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.