Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Atual campeão, time londrinense quer um lugar entre os primeiros novamente. No Paraguai, promessas encaram os melhores do continente

A equipe Londrina/FEL/IPEC volta às pistas neste final de semana para disputa do Campeonato Paranaense Adulto. A competição, que será realizada sábado e domingo, vai reunir os principais competidores do atletismo do estado no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo, em Cascavel.

Atual campeão feminino e geral da competição – venceu em 2019 e ano passado o campeonato não foi realizado por conta da pandemia – o time londrinense figura novamente entre os favoritos. E planeja novamente ficar entre os primeiros colocados. “É sempre uma competição muito dura, e com certeza vai ser assim novamente. As equipes colocam sempre o máximo para vencer e conosco não vai ser diferente”, frisou a coordenadora técnica Silvana Vieira.

Com várias atletas selecionáveis, a equipe feminina é aposta de medalhas em solo cascavelense. Destaque para Tatiane Raquel Silva, que foi aos Jogos de Tóquio e é o principal nome do Brasil nos 3000 metros com obstáculos, Livia Avancini, atual campeã brasileira e sul-americana no arremesso do peso, e Giovanna Aparecida Venâncio, medalhista de bronze no Sul-Americano sub-20 no lançamento do disco.

 “Mais uma competição importante e a gente mantém firme a preparação. Espero mais uma vez que eu possa dar meu melhor e trazer um bom resultado para a equipe”, comentou a arremessadora do peso, Livia Avancini, atual recordista paranaense e da competição. Em 2021, a londrinense de 29 anos já venceu o Troféu Brasil, o Sul-Americano e ficou perto de ir aos Jogos de Tóquio.

Sul-Americano Sub-18

Também vai ter destaque londrinense representando a seleção brasileira neste final de semana no exterior. Gabriela de Freitas Tardivo, líder do ranking nacional nas provas dos 1500 metros e 3000 metros, Luis Felipe Abilio Gomes Barbosa, também líder do ranking nacional na prova do lançamento do martelo e Nicole Braz Domene, que vai correr os revezamentos 4 x 100 e 4 x 200 metros, e também nos 300 metros, fazem parte do time verde e amarelo que vai em busca de mais um título sul-americano sub-18, em Encarnación, no Paraguai.

 “Estamos muito confiantes de que podemos fazer uma boa competição e garantir bons resultados para o Brasil”, falou Gabriela Tardivo.

O Projeto Londrina Atletismo conta com incentivo da Copel e Governo do Paraná, através do programa Proesporte, e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina (FEL), através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), Instituto Paranaense de Esporte e Cultura (IPEC) e Colégio Ética; e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maximus Assistencial, Ivot Ortopedia, Ômega Diagnósticos, Espaço Saúde Integral Londrina e Academia AS Fitness.

Rafael Souza/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.