Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Fundador da Liga Metropolitana de Futsal de Londrina e grande incentivador da modalidade na região, Osmar Obuti foi homenageado pelos serviços prestados ao esporte londrinense. Seu nome tornou-se nome de uma avenida no loteamento Vida Nova Londrina, localizado na zona sul da cidade.

Londrinense, Osmar Obuti sempre foi um amante do esporte. Praticou judô antes de descobrir sua grande paixão pelo futsal. Como jogador representou várias agremiações da cidade e foi um colecionador de títulos do Campeonato Citadino. Destaque dentro das quatro linhas, defendeu o time de futsal de Londrina na conquista dos Jogos Abertos de 1984, no aniversário do cinquentenário da cidade.

Osmar Obuti faleceu em fevereiro deste ano, aos 59 anos, mas deixou enorme legado ao esporte londrinense. A fundação, em março de 2004, da Liga Metropolitana de Futsal de Londrina, é o grande marco de sua trajetória. “Osmar sempre foi um incentivador do esporte de Londrina, e do futsal em especial. Era sua grande paixão. Dedicou muitos anos de vida para ver a modalidade crescer. Muito do que a Liga é hoje é graças a seu trabalho”, destacou o atual presidente da Liga Metropolitana de Futsal de Londrina, Marco Parazi.

A entidade, criada com o objetivo de fomentar a modalidade, foi sua grande paixão. A frente da presidência, conseguiu tornar a competição uma das maiores e mais tradicionais do futsal. Em 2019, a competição completa 15 anos. Os números da edição do segundo semestre mostram um pouco de sua grandeza. São aproximadamente 3 mil atletas inscritos, defendendo 194 equipes e representando 30 agremiações. Até dezembro, serão realizados mais de 760 jogos em três divisões, e a Copa Kids, em quinze ginásios-sedes em Londrina e região.

“Ele sempre será lembrado por tudo que fez pela Liga. E nós temos essa missão de continuar esse trabalho que ele iniciou lá atrás. A homenagem é muito justa, por tudo que ele representa para o futsal londrinense”, acrescentou Parazi.

O projeto de lei da homenagem a Osmar Obuti, de número 100/2019,  teve o vereador Gerson Araújo como autor e apoio de Eduardo Tominaga e Jamil Janene.

Rafael Souza/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios