Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O cumprimento do calendário depende do momento epidemiológico da Covid-19 ao longo do ano e da confirmação das prefeituras previstas para sediarem cada competição, além da adequação e respeito aos protocolos das secretarias municipais e estadual de saúde e Governo do Estado.

A Superintendência estadual do Esporte divulga seu Calendário Oficial de Jogos para 2021. De acordo com o calendário, de abril a dezembro 36 competições estão pré-agendadas, entre ações próprias, realizadas com parceiros e algumas de nível nacional e mundial. Confira também o Calendário dos Jogos de Apoio e Parcerias.

O superintendente do Esporte, Helio Wirbiski, ressalta que o cumprimento desse calendário depende do momento epidemiológico da Covid-19 ao longo do ano e da confirmação das prefeituras previstas para sediarem cada competição, além da adequação e respeito aos protocolos das secretarias municipais e estadual de Saúde e Governo do Estado.

 “Além do retorno de disputas com grande tradição no Paraná, caso dos Jogos Escolares e Abertos, já executados há mais de seis décadas, novos atrativos foram pensados para fomentar ainda mais a retomada do esporte paranaense, movimentando também todo o setor turístico e econômico”, disse Wirbiski.

É o caso da parceria com a Confederação do Desporto Escolar (CBDE), que vai trazer para Foz do Iguaçu os campeonatos Brasileiro e Mundial de Voleibol Escolar, nos meses de junho e setembro, respectivamente.

No que se refere ao quadro próprio, a Superintendência vai promover em 2021 seus já tradicionais eventos – Escolares, Bom de Bola, Juventude, Abertos, Paradesportivos e Universitários – e programa dois novos e importantes: os Jogos Abertos de Combate, que acontecem em Londrina, e os Jogos Abertos Master, ainda com sede a ser definida.  

Para o diretor de Esporte da entidade, Cristiano d’El Rei, essas novas competições atendem às premissas da política de esportes do Paraná, criando programas que abrangem diferentes faixas etárias e características da população, e também permite dar vasão a modalidades que têm crescido muito, caso dos esportes de luta, e que encontram no Paraná um Estado referência para todo o Brasil.

Os Jogos de Aventura e Natureza terão seis etapas, tendo como novidade as programadas para Curitiba e Região Metropolitana, a que acontecerá nos Corredores das Águas (Guarapuava e entorno) e no Norte do Estado. Litoral, Angra Doce e Lindeiros, sucesso de participações e público em 2019, voltam também ao calendário.

Mais detalhes em esporte.pr.gov.br

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.