Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Tatiane Raquel Silva, July Ferreira e Adelly Oliveira querem ir além do pódio no campeonato que será realizado no Peru

Três atletas da equipe Londrina/IPEC de atletismo foram convocadas hoje para defender a seleção brasileira da modalidade no Campeonato Sul-Americano, que será realizado entre os dias 24 e 26 deste mês, em Lima, no Peru. Tatiane Raquel Silva, July Ferreira da Silva e Adelly Oliveira Santos já esperavam o chamado e agora direcionam seus focos para brilhar no torneio que vai reunir os principais atletas do continente no país vizinho.

Uma das principais fundistas do Brasil na atualidade, a londrinense Tatiane Raquela Silva foi convocada para disputar os 1500 metros rasos e os 3000 metros com obstáculos, prova de sua especialidade e para a qual ela já tem índice para participar dos Jogos Pan-Americanos, que também serão no Peru, em agosto.

No auge de sua forma física e técnica, a atleta planeja brigar por medalhas. “Meu objetivo nesse sul-americano é medalhar e quero, claro, tentar melhorar minha marca também”, avisou Tatiane, que projeta uma disputa forte nas pistas no Peru. “A prova será bem forte, pois as melhores do continente vão participar, inclusive a recordista sul-americana – a argentina Belen Casseta”. Em seu último Sul-Americano, ela foi terceira colocada nos 3000 metros com obstáculos, em 2017, no Paraguai.

A convocação anunciada hoje tem um significado especial para Adelly Oliveira Santos, dos 100 metros com barreiras. Aos 31 anos, ela volta a defender a seleção brasileira após quatro anos e recebe o chamado como uma injeção de motivação. “Depois da cirurgia – no joelho em 2016 – eu vinha lutando muito por isso. Estou muito feliz, é um momento importante na minha carreira, pois tenho muitos objetivos grandes para essa temporada”, contou a atleta. “Vou ao Peru em busca do índice para o Mundial, que será em outubro, e para o Pan. A motivação é muito grande”, acrescentou a vencedora do Troféu Brasil de 2018.

July Ferreira da Silva vai competir nos 1500 metros rasos, prova de sua especialidade. “Momento é de concentração total. Vou em busca de fazer o meu melhor”, afirmou.

O técnico Gilberto Miranda reforça a importância da convocação do trio para a equipe de Londrina. “Londrina voltou a ter convocações para a seleção brasileira nos últimos anos, graças a um trabalho em sintonia com nossos patrocinadores. Isso vem fortalecendo o nome da cidade como um polo importante do atletismo nacional. E é nesse sentido que temos trabalhado. São três atletas muito fortes, com potencial para buscar medalhas para o Brasil”, observou o treinador.

O Projeto Londrina Atletismo conta com patrocínio master da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina, através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe).

Rafael Souza/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.