Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Sétimo simpósio Agroinovatec trouxe inovações para os produtores rurais em 2018

A Expo Japão, que ocorreu entre os dias 7 a 10 de junho, celebrando os 110 anos da Imigração Japonesa, contou com inúmeros momentos marcantes, entre eles, a Exposição Agrícola e o 7º Simpósio Agroinovatec, que apresentou palestras, debates sobre as novas tecnologias e apresentações diversas aos visitantes e aos produtores rurais.

O 7º Agroinovatec, coordenado por Tumoru Sera, foi de grande importância para a agricultura. Seu maior objetivo foi fazer com que os produtores lucrem mesmo a preços baixos, através de inovações tecnológicas, indústrias, prestadores de serviços, dentre outros. “Essas inovações foram disponibilizados gratuitamente e debatidos com diferentes componentes visando surgimento e divulgação de novas inovações. A atividade é o ano inteiro e o território livre e de divulgação é via ExpoJapão/ACEL”, explica o coordenador.

Segundo Tumoru Sera, o evento em 2018 foi produtivo e trouxe novidades para os visitantes. “O principal benefício foi oferecer alternativa de renda e emprego para a nova geração de agricultores e os sobreviventes do modelo agrícola atual mais conveniente para mega e giga fazendas consumidoras de terra, insumos e máquinas muito caras, mas utilizando mais mão de obra produtiva e qualificada”, completa.

Sobre o evento como um todo, ele valorizou a edição deste ano, que procurou a valorização da integração entre os povos. “A Expo Japão procura preservar os bons costumes para a comunidade nipo-brasileira e sentir orgulho, bem como ampliar a autoestima e o reconhecimento dos outros brasileiros, contribuindo para o desenvolvimento brasileiro.” Além disso, ele afirma que esse foi o melhor ano para o Agroinovatec e para a exposição em relação a público e conteúdo. “Apesar de ter enfrentado os anos difíceis, aprendemos a conviver com crises e até de climas adversos, graças a soma de forças de voluntários das entidades como IAPAR, Emater, Unopar, SENAR, Embrapa, Uel, cooperativas Integrada, estou muito agradecido a todos, especialmente da Unidade de Melhoramento de Café e setor de eventos ADT do IAPAR”.

(Agência de Comunicação Integrada (ACI) UNOPAR - Coordenadores: Profª Liberaci Pascuetto Perin / Prof. Guilherme Lima - Pauta: Bruno Henrique / Entrevista: Karla Santos / Redação: Julia Lima / Revisão: Gabriel Alves)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios