Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.


Software projetado no município promove a união entre estabelecimentos e consumidores em prol da sustentabilidade
Foi lançado na quinta-feira (21) o aplicativo londrinense ECOFOOD, uma ferramenta onde estabelecimentos do ramo alimentício vendem comidas excedentes e de qualidade a preços acessíveis. Mais de 30 lanchonetes, petiscarias, hortifrútis, padarias e restaurantes de Londrina já estão cadastrados no app.

Por meio de vouchers, os estabelecimentos disponibilizam os produtos que estão em perfeita condição, mas que seriam desperdiçados pela falta de consumo. Os usuários do aplicativo garantem o alimento que querem salvar, pagam mais barato justamente pela boa causa e retiram o produto no horário estipulado.

A iniciativa nasceu do insight de dois engenheiros civis, Rafael Moreno e Raphael Koyama, e ganhou força ao constatarem que a realidade do desperdício Brasil a fora se refletia no restaurante e na petiscaria da família. Os amigos renunciaram então à carreira de engenharia no fim do ano passado para mergulhar nesse grande projeto.

"Eu sempre tive um pensamento que me fazia achar que eu ia mudar o mundo, aquele sentimento de que você pode fazer algo maior. Eu não sabia o que era, mas sabia que seria algo nesse sentido", confessa Moreno.

Dados

De acordo com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), cerca de um terço dos alimentos produzidos no mundo são jogados no lixo anualmente. Só no Brasil, estima-se que mais 26 milhões de toneladas sejam descartadas por ano, situação em parte atrelada a rigidez da legislação para doação de alimentos no país.

 “Imagine uma pessoa que fez um bolo artesanal ver aquilo na bancada, sem ninguém pegar. Ela perdeu parte do tempo dela e o alimento não serviu quem ia servir”, salienta Koyama.

Além de jogar fora dinheiro e energia de inúmeros trabalhadores e ainda contribuir para a emissão de gases de efeito estufa, o desperdício de alimento fere a existência de mais de 800 milhões de pessoas que, segundo dados da FAO, passam fome no planeta.

A proposta da ECOFOOD é despertar a cultura do não desperdício nos estabelecimentos e nos usuários do app. Fazendo com que sejam disponibilizados cada vez menos vouchers e aproveitados, por meio do aplicativo, até mesmo o raro e pouco alimento que for excedente.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios