Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Marco Barreira, jornalista e funcionário do SJPERJ (Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro) associado a FENAJ (Federação Nacional dos Jornalistas), único órgão oficial para jornalistas que querem adquirir a carteira internacional, diz que aumentou o número de jornalistas brasileiros que procuram a Fenaj para adquirir a carteira internacional e sair do país.

"A procura é grande, são muitos jornalistas que estão buscando carreira fora do país. O diploma daqui não é válido lá fora, mas a carteira internacional pode trazer garantias." diz Marco.

Marco trabalha com a legalização do documento para jornalistas de todo Brasil e conta com uma empresa já conhecida no Brasil para assuntos no exterior.

"Temos a MF Press Global nos Estados Unidos e em Portugal, países onde há uma maior procura por brasileiros que desejam sair do país. Trabalhamos também com legalização de documentos e consultoria para quem quer sair do país junto com empresas nesses locais. O diploma de jornalismo do Brasil não é válido nesses países mas a carteira internacional abre portas para contratarem o jornalista. Aí o que resta é a questão da adaptação do português". Nos conta Fabiano de Abreu CEO da MFPG.

MF Press Global

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.