Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

No encontro com o Grande Aiatolá Al-Sistani, Papa destacou a importância da colaboração e da amizade entre as comunidades religiosas

Em sua viagem ao Iraque, o Papa Francisco visitou, neste sábado, 6, em Najaf, o Grande Aiatola Sayyid Ali Al-Husayni Al-Sistani. O Pontífice destacou a importância da colaboração e da amizade entre as comunidades religiosas, de forma a contribuir para o bem do Iraque, da região e de toda a humanidade. Isso a partir do diálogo e respeito mútuo.

O encontro durou cerca de 45 minutos, informou o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni.

 “O encontro deu oportunidade ao Papa de agradecer ao Grande Aiatolá Al-Sistani por ter, no meio da violência e das grandes dificuldades dos anos passados, levantado a voz, juntamente com a comunidade xiita, em defesa dos mais frágeis e perseguidos, defendendo a sacralidade da vida humana e a importância da unidade do povo iraquiano”, declarou Bruni.

Ao despedir-se do Grande Aiatola, o Santo Padre reiterou a certeza da sua oração a Deus por um futuro de paz e fraternidade para o Iraque, o Médio Oriente e todo o mundo.

Programação deste sábado

A visita ao Grande Aiatolá Al-Sistani foi o primeiro compromisso na agenda do Papa hoje. Após o encontro, Francisco foi para Nassíria, onde participou do encontro inter-religioso na Planície de Ur.

Terminado o encontro, Francisco retorna a Bagdá. Ainda hoje, ele preside a Santa Missa na Catedral Caldeia de São José, na capital iraquiana. A celebração será às 18h (hora local, 12h em Brasília).

A partir das 11h45, cobertura do Jornalismo Canção Nova da visita ao Iraque, com transmissão dessa celebração com o Papa, às 12h.

Canção Nova/com Boletim da Santa Sé

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios