Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os bons resultados alcançados pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social em na garantia de direitos da pessoa idosa foram apresentados em evento nacional, no Pará. O I Encontro Intersetorial dos Direitos da Pessoa Idosa, na terça-feira (22), em Belém, reuniu técnicos e gestores do Maranhão, Goiás, Pernambuco e Tocantins.

A coordenadora da política estadual dos direitos da pessoa idosa, Fabiana Longhi, explica que o Paraná adotou estratégias na rede de garantia de direitos para o aumento do número de conselhos, fundos e planos municipais específicos para essa parcela da população.

Hoje, há conselhos em 93% (372) dos municípios do Paraná, fundos em 268 e planos em 208 municípíos. “Os resultados apresentados demonstram a seriedade do Estado em relação aos direitos da pessoa idosa”, esclareceu Fabiana.

CAMPANHA – Além das metodologias de trabalho, também foram apresentados aos participantes a campanha de Valorização da Pessoa Idosa, lançada em 2017, a cartilha “Conhecendo os Direitos da Pessoa Idosa” e o Manual de Prevenção de Acidentes: atenção à pessoa idosa.

Foram disponibilizados ainda os links das webconferências, que oferece orientações, passo a passo, aos municípios para a construção de conselho, fundos e planos dos direitos da pessoa idosa.

“O evento reconheceu o trabalho empregado na construção dessa política. Também representou uma troca de experiências para aprimorarmos a atenção aos direitos e às necessidades das pessoas idosas brasileiras”, disse a coordenadora paranaense.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.