Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Geral 20/09/2017  09h08

Prefeitura anuncia início das obras do Centro de Convivência da Região Norte

Local terá 672 metros quadrados e oferecerá cursos, palestras, oficinas e eventos para a população de Londrina

Para atender melhor a população idosa de Londrina, em solenidade realizada em seu gabinete, o prefeito Marcelo Belinati anunciou na manhã, desta terça-feira (19), o início das obras de construção do Centro de Convivência da Pessoa Idosa na Região Norte (CCI Norte), na Rua Luís Brugin, s/n, esquina com a Avenida Saul Elkind.  

No local, está sendo feita a terraplanagem do terreno. Nele serão construídos 672 metros quadrados de área, englobando dois auditórios, biblioteca, salão de eventos, salas para oficinas, atendimento e espera, cozinha, lavanderia, banheiros, pátio de serviço, além de recepção, espaço para administração e jardim interno. 
 
Segundo o prefeito, a obra é a primeira parceria público privada estabelecida pelo Município e vem se unir aos outros dois Centros de Convivência da Pessoa Idosa. ”A população idosa cresce a cada dia. Temos que respeitar os nossos idosos que ajudaram a construir a cidade e, nesse espaço de convivência, teremos atividades de lazer, aprendizado, cultura e outras ações para que eles convivam com os mais jovens, transmitindo seus conhecimentos e experiências de vida. É mais uma grande conquista para a cidade de Londrina, em especial, para a região norte”, ressaltou.  
 
A empresa vencedora da licitação e responsável pelas obras é a Reconstrul Construções Civis Ltda. Ela tem 240 dias, ou seja, cerca de 8 meses para finalizar a construção a contar da data de assinatura da ordem de serviço. A expectativa é que durante o primeiro semestre de 2018, o CCI Norte inicie suas atividades com os idosos da região. 
 
De acordo com a secretária municipal do Idoso, Nádia Oliveira de Moura, a construção do CCI Norte é uma reivindicação antiga das pessoas acima de 60 anos e foi pensando em melhor atendê-los que se está construindo o novo espaço. “O Centro de Convivência faz um trabalho preventivo com a pessoa idosa, com inúmeras oficinas e atividades. A construção dele vem ao encontro dos objetivos da gestão Marcelo Belinati, que prima pelo fortalecimento da rede de atendimento à pessoa idosa do município e que busca aprimorar os serviços fornecidos à população”, afirmou a secretária. 

O custo total da obra está estimado em R$ 1.383.692,12, sendo necessários outros R$ 500 mil para equipar o espaço. O recurso para a construção, foi destinado ao Fundo Municipal dos Direitos do Idoso (FMDI), que é gerenciado pelo Conselho Municipal dos Direitos do Idoso (CMDI), pela cervejaria Ambev, a partir da destinação de parte do Imposto de Renda da empresa.
 
O gerente de Relações Institucionais da Ambev, Felipe Daud, explicou que a destinação do imposto de renda da empresa começou em 2014, quando se iniciou a idealização da construção do CCI Norte. “Nossa missão como companhia é unir as pessoas por um mundo melhor, o que fazemos focados na questão do consumo responsável e com ações relacionadas que criam um ambiente de melhor convívio social, inclusive ajudando os idosos. É muito gratificante vermos que o projeto está saindo do papel e que estamos colaborando com os idosos”, finalizou. 
 
O novo CCI, quando finalizado, oferecerá serviços como aulas de dança;  atividades físicas e culturais; ações de socialização; alfabetização para idosos; dinâmicas de grupo; cursos de informática, artesanato, oficinas de qualidade de vida e cidadania, educação financeira, palestras educativas; tardes festivas e reuniões com grupos de idosos. Serão realizados aproximadamente 2 mil atendimentos mensais, sendo que a capacidade máxima do local, por evento, será de 500 pessoas.  

A diretora de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, Ana Karina Anduchuka, lembrou que o local é muito aguardado pelos moradores do entorno, visto que a região norte atualmente aglutina cerca de 16 mil pessoas com 60 anos ou mais, o que representa 21% da população idosa do município. “A intenção é atendermos uma área que contempla a segunda maior população idosa da cidade, por meio de atividades que contribuem para o processo de envelhecimento, ampliação da cidadania, desenvolvimento da autonomia e de sociabilidades, fortalecimento de vínculos comunitário e, principalmente, para a prevenção de situações de risco social à pessoa idosa”, ressaltou.
 
O CCI Norte está sendo construído na Rua Luís Brugin, s/n, esquina com a Avenida Saul Elkind e a Rua Azulão, uma localização privilegiada na região norte de Londrina, que conta com acesso facilitado através do transporte coletivo, além de ser próximo ao módulo da Guarda Municipal de Londrina e da Polícia Militar do Paraná.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios