Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Durante a próxima semana, voluntários da Copel em todo o Paraná vão às ruas para disseminar orientações sobre o uso seguro da energia elétrica. A XII Semana Nacional de Segurança com a Energia Elétrica teve início ontem (05) e reúne ações de empresas de todo o país, sob a coordenação da Associação Brasileira das Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee).

Com o slogan “É aí que mora o perigo”, a campanha tem por objetivo prevenir os acidentes com choque elétrico no Brasil, atuando em seis frentes principais: construção civil, área rural, poda de árvores, instalação de antenas, furto de energia e cuidado com as pipas. A seleção dos temas é guiada pela estatística dos acidentes mais frequentes em diferentes regiões do país.

O amplo trabalho de conscientização tem mostrado bons resultados, traduzidos na queda do número de acidentes entre a população brasileira envolvendo a rede de energia, nos últimos anos. Dados da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) revelam que desde que começou a fazer a campanha, em 2006, houve uma queda anual de 16% nos acidentes, totalizando uma média de 838 acidentes por ano. Neste mesmo período, a média anual de mortes totais também caiu 14%, totalizando 293 mortes/ano, isto representa que foram evitadas 47 mortes/ano.

No Paraná, foram registrados 41 acidentes com a rede elétrica em 2017. Em 2018, até agora, foram 25 ocorrências, sendo sete na construção civil, cinco na área rural, três em serviços, e dois em podas de árvores.

Para fazer com que a orientação chegue à comunidade, voluntários visitarão canteiros de obras, cooperativas, lojas de matérias de construção e maquinários agrícolas, escolas e locais públicos com grande circulação de pessoas. A mensagem contida nas cartilhas e folhetos será reforçada também através de emissoras de rádio nas redes sociais.

Principais dicas da campanha

Construção ou Manutenção Predial: ao construir ou reformar, mantenha uma distância segura da rede elétrica, principalmente ao movimentar materiais metálicos, como barras de ferro e arames. Consulte sempre um profissional capacitado para este tipo de serviço ou a sua distribuidora.

Áreas rurais: cuidado ao operar tratores e maquinários altos perto da rede elétrica ou próximo aos fios laterais que sustentam o poste. As cercas devem ser aterradas e seccionadas; para eletrificação da cerca, é necessário utilizar aparelhos próprios para isto e sinalizar a cada 100 metros.

Antena de TV: ao instalar ou consertar antenas, cuidado com a rede elétrica. Escolha um lugar afastado dos fios, observando quando o tempo estiver bom, sem chuva. Caso a antena caia na fiação, nunca tente segurá-la ou recuperá-la.

Poda de árvores: nunca faça poda de árvores que estiverem próximas ou em contato com a redes elétricas. Entre em contanto com a prefeitura de sua cidade e solicite o serviço. A poda de árvores é um serviço que deve ser realizado somente por profissionais preparados e qualificados.

Pipas: sempre empine pipas em locais abertos e afastados da rede elétrica. Jamais use fios metálicos ou cerol, e caso a pipa fique presa, não tente resgatá-la. Estas orientações devem ser reforçadas junto às crianças.

Ligação Clandestina (Gato): ligações da rede elétrica, somente pelo eletricista de sua distribuidora de energia. Furtar energia é muito perigoso. Além de ser um crime, provoca acidentes e coloca vidas em risco.

Asimp/Abradee

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.