Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O prefeito José Maria Ferreira e a vice Sandra Moya assinaram nesta quinta-feira (26) a ordem de serviço para início imediato de duas importantes obras para Ibiporã – a execução de 70 mil m² de recape asfáltico em várias ruas do perímetro urbano, e construção do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Recanto dos Baixinhos. A assinatura dos contratos com as empresas responsáveis pelas obras foi realizada na Sala de Reuniões do Gabinete e acompanhada por secretários, servidores, vereadores e representantes das empreiteiras vencedoras das licitações.

Dentre as vias a receberem as melhorias estão trechos das avenidas dos Estudantes e André Serti e ruas Narciso Benati e Massatoshi Rondon. “Vinte mil metros quadrados serão recapeados com Concreto Asfáltico Usinado a Quente (CBUQ) de dois centímetros, e outros 50 mil com CBUQ de três centímetros. A escolha da espessura varia de acordo com o fluxo de trânsito e ondulações no asfalto”, explicou o prefeito. A obra, no valor R$1.157.471,52, será financiada inteiramente com recursos municipais, provenientes do pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). A empresa vencedora, Unite Consultoria Engenharia e Empreendimentos LTDA, de Guarapuava, tem seis meses para executar a obra.

Idealizado pelo prefeito José Maria, o plano de melhoria asfáltica pretende recapear até 2016 400 mil m² de vias na cidade. "Os recursos investidos são expressivos e proporcionarão um bom piso para Ibiporã”, garantiu o prefeito. “Vamos melhorar as condições de tráfego por muitos anos. As Avenidas Santos Dumont e Paraná são exemplos disso. Em 1992 fizemos o asfalto com esse material, o CBUQ, e agora, 22 anos depois, elas começam apresentar necessidade de retoque. Esses recapes são para durar tanto quanto, pelo menos 20 anos", esclareceu José Maria.

Além da melhoria do asfalto, a reestruturação da malha rodoviária da cidade inclui a construção de rotatórias, nova sinalização, canteiros, e a municipalização do trânsito, com a implantação do sistema binário nas vias centrais, rotas alternativas para veículos de carga pesada e estacionamento rotativo. “Aproveito a oportunidade para agradecer às equipes das secretarias de Obras e Planejamento pelo empenho a fim de cumprir este cronograma extenso e ambicioso que visa à modernização do sistema viário e melhoraria da trafegabilidade no município”, ressaltou o secretário municipal de Obras, Alexandre Casagrande.

CMEI Recanto dos Baixinhos

Na ocasião também foi assinada a ordem de serviço para construção do novo prédio do Centro Municipal de Educação de Educação Infantil (CMEI) Recanto dos Baixinhos, na Rua Padre Vitoriano Valente, em frente ao Colégio Estadual Olavo Bilac. A obra, no valor R$1.539.686,15, será também executada inteiramente com recursos municipais provenientes do IPTU. A Makino Construções Civis LTDA, de Londrina, terá oito meses para entregar o CMEI.

Com área projetada de 1.236,23 m², estrutura ampla e moderna e acessibilidade para portadores de deficiência, o novo prédio substituirá o atual, cuja estrutura não atende a contento as atuais exigências de um CMEI. “As necessidades funcionais do local são grandes, e o prédio atual já não atende as obrigações de uma creche. Com a nova construção, vamos oferecer um modelo adequado e funcional igual ao Malibu (CMEI Profª Maria do Carmo Galvão Uille, entregue em dezembro de 2013). Faremos um CMEI modelo aperfeiçoando e atendendo o funcionamento diário da instituição", comentou José Maria. Neste período os alunos deste CMEI estudarão em um imóvel alugado.

O projeto para o novo CMEI dobrará a oferta de vagas, passando de 112 para 225. “Boa parte da nossa demanda, em fila de espera, será atendida com o novo Recanto dos Baixinhos, uma obra que há muito tempo vínhamos trabalhando para que o projeto fosse realizado e agora se tornará realidade", afirmou Sandra Moya.

Em nome do Legislativo, a vereadora Mary de Sá agradeceu o empenho do governo municipal em atender aos anseios da população. “Em nome dos munícipes, gratificamos o esforço e seriedade da administração na gestão dos recursos públicos que estão sendo revertidos em importantes obras reivindicadas por todos nós”, enfatizou a vereadora.

Núcleo de Comunicação Social – PMI

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios