Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A partir de segunda-feira (10) as escolas integrais da rede municipal de Ibiporã passarão a atender das 07h30 às 16 horas, com carga horária de 8 horas por dia

Núcleo de Comunicação Social – PMI

A convivência familiar é um direito constitucional da criança. A família desempenha o papel mais importante no desenvolvimento dos pequeninos, uma vez que, por meio desta, se constroem pessoas adultas com autoestima, prontas para enfrentar desafios e assumir suas responsabilidades.

 
Redução de carga horária não prejudicará ensino, garante Secretaria de Educação

As famílias de hoje carecem de tempo para conviver e melhorar a relação entre si, exercitando o ouvir e falar, potencializando assim o diálogo e a convivência diária. Isso significa que todos devem fazer um esforço no sentido de fomentar os laços familiares, até porque, sempre existe algo para dizer: uma aventura no trabalho, tarefa doméstica, o dia na escola, um programa na rádio, o futebol, etc.

Dentro desta proposta humanista de ensino, a Secretaria de Educação comunica o novo horário de funcionamento das escolas integrais da rede municipal, que passarão a atender das 07h30 até as 16 horas, a partir de segunda-feira (10). O transporte escolar seguirá o mesmo horário de inicio e término das aulas. O ensino integral é uma sugestão do Governo Federal aos municípios, e por determinação do prefeito José Maria, em Ibiporã, a proposta já foi implementada em seis colégios na cidade.

A Lei Federal respalda que o ensino integral deve ter ao menos 7 horas. Em Ibiporã a carga horária era de 9 horas. “Por meio de um estudo elaborado por nossa secretária, percebemos que as crianças ficavam cansadas em permanecer 9 horas, 9h30 horas, dentro escola”, expõe Margareth Coloniezi, secretária de Educação.

"Isso nos trouxe uma grande preocupação, então discutimos muito, conversamos com o sindicato da categoria, com os diretores, pesquisamos os resultados desse trabalho e concluímos que oito horas para a nossa proposta de ensino integral é suficiente para que a criança tenha toda carga horária das disciplinas necessárias para construir seu conhecimento e sua formação integral”, afirma a secretária.

Com a nova carga horária de 8 horas, as crianças terão oportunidade de conviver mais tempo com seus pais, irmãos, avós e outros familiares. “Esses alunos chegarão em casa mais cedo, e assim passarão importantes momentos com suas famílias, porque a criança tem falta do lar, é tão bom voltar para casa, a criança sente isso” pontua, Margareth Coloniezi.

Outra importante conquista para a comunidade, em especial aos professores das escolas de ensino integral de Ibiporã, é a implantação da hora-atividade. “O professor terá das 16 às 17 horas, todos os dias, dedicados exclusivamente para sua hora-atividade. Um momento importante para elaborar, reelaborar suas práticas, estudos e materiais”, explica Margareth. “Um coordenador também estará disponível na escola para atendimento personalizado ao professor, então vamos otimizar e qualificar ainda mais nossos profissionais", acrescenta a secretária. 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.