Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ibiporã figura entre os 100 municípios brasileiros com 50 a 100 mil habitantes que possuem bom desenvolvimento em infraestrutura. O ranking, que faz parte da pesquisa “As melhores cidades do Brasil para fazer negócios”, foi elaborado com exclusividade pela consultoria Urban systems para a revista EXAME.

Segundo esta pesquisa, o município norte paranaense, de 52.330 habitantes, está na 94ª posição entre as 348 cidades com uma população entre 50 mil e 100 mil habitantes – estas, responsáveis por 10% do Produto Interno Bruto (PIB) Brasileiro. Além de Ibiporã, outros nove municípios paranaenses integram o ranking: Pato Branco, Francisco Beltrão, Campo Mourão, Cianorte, Rolândia, Marechal Cândido Rondon, Telêmaco Borba, Castro e Paranavaí.  A primeira cidade do ranking é Vinhedo – SP (3,273 pontos), a segunda é São Gonçalo do Amarante – RN (3,088) e a terceira Lucas do Rio Verde – MT (2,880).

O município norte paranaense também se destacou em dados divulgados recentemente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) per capta. Conforme o IBGE, de 2012 para 2013 Ibiporã apresentou o expressivo crescimento de 21,23%. O trabalho desenvolvido pela administração municipal elevou, em um ano, o PIB per capta municipal, de R$ 31.757,69 para R$ 38.501,45, fazendo a cidade ocupar o 26º lugar no ranking paranaense.

O ranking leva em conta três indicadores, como o número de casas com internet fixa de alta velocidade, índice de perdas na distribuição de água e a quantidade de vezes em que ocorreram paralisações no sistema de distribuição de água. “Esse destaque é motivo de grande alegria e satisfação para a Administração Municipal, e reflete os investimentos constantes realizados em todos os setores”, enfatiza o prefeito José Maria Ferreira.

Cada indicador recebeu um peso de acordo com sua relevância – totalizando 12 pontos. Ibiporã somou 2,268 pontos. Desde 2009 a Administração Municipal investe em Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs) para modernizar os serviços públicos e promover a inclusão digital da população. Cerca de 80% da área urbana é coberta pelo sinal de internet gratuita, além de cinco telecentros em operação e disponíveis para a comunidade. O município é pioneiro na Educação Digital. Desde 2010 alunos das escolas municipais utilizam as lousas digitais como recurso pedagógico em sala de aula. Além disso, um anel de fibra ótica interliga 10 prédios públicos em uma extensão de 10 quilômetros. “A internet tornou-se um importante instrumento de inclusão digital e social. Por isso nossa preocupação em democratizar o acesso”, argumenta o prefeito.

Em relação aos outros dois indicadores analisados – índice de perdas e quantidade de vezes em que ocorreram paralisações no sistema de distribuição de água, José Maria ressalta que desde o ano passado o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) participa de um projeto pioneiro cujo foco é a redução de perdas de água tratada e eficiência energética. “A média nacional é de 34% de perdas. O índice de perdas em Ibiporã está em cerca de 28%. A meta é chegar a 25% e isso demanda uma série de ações. Mesmo tendo uma das tarifas mais baixas do estado e contando com duas unidades de captação e recalque, a autarquia preocupa-se em atender cada vez melhor a população nos serviços de água, esgoto e recolhimento e destinação dos resíduos sólidos”, enfatiza o prefeito.

Toda a água distribuída pelo Samae é tratada, clorada e fluoretada, atendendo aos padrões de qualidade e potabilidade fixados pelo Ministério da Saúde. Atualmente o serviço de abastecimento de água conta com duas unidades de captação e recalque, uma no Ribeirão Jacutinga e outra no Poço do Aquífero Guarani, que oferece água de excelente qualidade, com propriedades minerais, atendendo 100% da população urbana e parte da zona rural. Outro fator de destaque é a rede de esgotos sanitários que atende mais de 97% da zona urbana, sendo totalmente tratado antes de ser lançado no corpo receptor – índice de destaque a nível nacional.

Núcleo de Comunicação Social/PMI

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios