Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O uso abusivo de agrotóxicos na produção agrícola está na pauta da cidade de Ibiporã, no Norte paranaense, que recebe nesta quinta-feira, 10 de dezembro, o 1º Encontro Regional do Fórum Estadual – Agrotóxicos. O evento é realizado pelo Ministério Público do Paraná, representado pela 2ª Promotoria de Justiça da Comarca, com atribuições na área ambiental.

O objetivo é expor as consequências do uso indiscriminado de agrotóxicos para a saúde e para o meio ambiente, bem como promover o debate a respeito das medidas necessárias a coibir essa prática. No encontro está prevista, também, a elaboração de uma carta de intenções, que deve pautar e orientar a atuação dos órgãos públicos na região.

O evento se propõe a marcar o início de uma atuação em rede dos órgãos públicos no combate ao uso exagerado de veneno nas lavouras. Além da Promotoria de Justiça de Ibiporã, auxiliam na realização do evento o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Proteção ao Meio Ambiente, do MP-PR, e a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Ibiporã, com apoio da Emater (Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural), Adapar (Agência de Defesa Agropecuária do Paraná) e Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural).

Programação

Horário de apresentação: 13h00

Horário de início dos trabalhos: 13h30

Boas Vindas: José Maria Ferreira, Prefeito de Ibiporã/PR

Abertura: Dra. Révia Aparecida Peixoto de Paula Luna – Titular da 2ª Promotoria de Justiça de Ibiporã com atribuições na área do Meio Ambiente; e Tomás Falkowski – Secretário Municipal de Meio Ambiente de Ibiporã (13h30 às13h50).

Palestrantes:

1) Dr. Saint-Clair Honorato Santos – Procurador de Justiça Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Proteção ao Meio Ambiente; TEMA: Legislação Ambiental e o Uso de Agrotóxicos; Exposição dos trabalhos do Ministério Público no âmbito do Fórum Estadual de Agrotóxicos (13h50 às 14h20)

2) Professora Doutora Suzana Lucy Nixdorf - Doutora em Química (Físico-Química) pela Universidade Estadual de São Paulo, ISQC-USP; Mestre em Química (Analítica) pela Universidade Estadual de Maringá; Atualmente é Pesquisadora e Professora Associada da Universidade Estadual de Londrina; TEMA: Agrotóxicos e suas consequências para a Saúde e Meio Ambiente (14h20 às 14h45)

3) Professora Doutora Maria Josefa Santos Yabe – Pós Doutora pela Universidade de Barcelona - Espanha (Ciências Exatas e da Terra/Área: Química/ Subárea: Química Analítica/ Especialidade: Análise de Traçoes e Química Ambiental); Doutora em Química (Química – Analítica) pela Universidade Estadual de São Paulo (USP); Mestre em Ciências de Alimentos pela Universidade Estadual de Londrina (UEL); Atualmente é Pesquisadora e Professora Associada da Universidade Estadual de Londrina; TEMA: Agrotóxicos e Contaminação Ambiental (14h45 às 15h10)

INTERVALO: 15 MINUTOS (15h10 a 15h25)

4) João Miguel Toledo Tosato – Engenheiro Agrônomo Msc, fiscal de Defesa Agropecuária na Agência de Defesa Agropecuária do Paraná – ADAPAR, Coordenador do Programa de Defesa do Alimento – Fiscalização de Agrotóxicos e Afins; TEMA: Fiscalização do Comércio e Uso dos Agrotóxicos (15h25 às 16h10)

5) Ildefonso José Hass, Engenheiro Agrônomo no Instituto Paranaense de Assistência Técica e Extensão Rural – EMATER; TEMA: Manejo de Pragas e Doenças em Grãos e Manejo do Solo e da Água;

6) Nilson Roberto Ladeia Carvalho, Engenheiro Agrônomo no Instituto Paranaense de Assistência Técica e Extensão Rural – EMATER; TEMA: Boas Práticas em Olerícuolas; (16h10 às 16h50)

7) Marcos Valério de Freitas Andersen – Engenheiro Agrônomo da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná; TEMA: Situação do Programa Alimento Seguro na região de Ibiporã/PR, (16h50 às 17h10)

Debates: 17h10 às 18h15

Carta de Intenções: 18h15 às 18h30

Asimp/MP/PAR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios