Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Senhores,

Por incrível que pareça, MAIS UMA VEZ, estamos sendo levados a julgamento pela irresponsabilidade de alguns poucos.

O procurador do STJD denunciou o Londrina e o Ceará pelas brigas que paralisaram por dois minutos o inicio do jogo no último sábado. Abaixo o artigo a que estamos sujeitos:

Art. 213. Deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: (Redação dada pela Resolução CNE nº 29 de 2009). I — desordens em sua praça de desporto; (AC).
PENA: multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais). (NR). § 1º Quando a desordem, invasão ou lançamento de objeto for de elevada gravidade ou causar prejuízo ao andamento do evento desportivo, a entidade de prática poderá ser punida com a perda do mando de campo de uma a dez partidas, provas ou equivalentes, quando participante da competição oficial. (NR).

Isso traz prejuízos financeiros e técnicos pois teremos despesas com advogados, despesas de viagem até o Rio de Janeiro e ainda podemos ser apenados com multas pecuniárias.

Até quando iremos desperdiçar esforços em coisas como essa? Não seria muito melhor estarmos todos concentrando esforços para o jogo contra o Paraná Clube?

ASCOM/LEC

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.