Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Criado pelo estudante Luiz Guilherme Fischer Abudi para oferecer mentorias gratuitas a micro e pequenas empresas durante a crise provocada pela pandemia, o projeto Conecta Londrina ganha agora apoio da ACIL. A parceria visa fortalecer e difundir a iniciativa baseada no trabalho voluntário.

A partir de um site (www.conectalondrina.com.br), o Conecta Londrina aproxima pequenos e microempresários de consultores, grandes empresários e outros profissionais. O aconselhamento é feito a partir de um contato pelo WhatsApp.

Os interessados podem se cadastrar no site tanto como mentorado (que precisa de ajuda) quanto mentor (que oferece ajuda). A aproximação ocorre com a realização de duas reuniões por videoconferência. Na primeira, o mentorado expõe seus problemas. Na segunda, o mentor apresenta as possíveis soluções. Tudo é feito gratuitamente.

 “São dois pontos que possibilitaram essa parceria: a ajuda estrutural e a convergência de ideais. Esse contato que estou fazendo com a ACIL é muito positivo. É uma parceria formal, mas também é uma parceria no sentido mais amistoso da palavra”, comenta Luiz Guilherme. “Existe a busca do que as empresas acham que precisam, e a busca do que elas acabam descobrindo que precisam depois da mentoria. Todo mundo chega pedindo basicamente duas coisas: entrar mais na plataforma online e aumentar o volume de vendas”, explica.

No decorrer da mentoria, entretanto, as soluções podem passar por caminhos que o empresário nem imagina. “É uma iniciativa totalmente voluntária, não tem nenhum dinheiro envolvido. Todo mundo está ajudando por boa vontade”, completa.

O site da ACIL (www.acil.com.br) está disponibilizando a íntegra de uma live feita com Luiz Guilherme, nesta segunda-feira (29), para quem quiser saber mais sobre o Conecta Londrina.

Susan Naime Bortoti/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios