Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A convite da Casa, os PMs participaram da sessão remota ontem (4)

A Câmara Municipal de Londrina (CML) homenageou três policiais militares que salvaram um bebê de 11 meses que se afogou em casa, na última sexta-feira (31), na zona norte de Londrina. Os soldados Adriano Pegorari e Alysson Almeida da Silva, e o tenente Emerson Castro, todos da 4ª Companhia Independente de Polícia Militar, participaram da sessão remota do Legislativo Municipal de ontem (4), a convite da Casa.

Os vereadores destacaram a atitude dos policiais militares. “É sempre ótimo quando a gente pode parabenizar por um trabalho tão bem feito quanto este”, afirmou Pastor Gerson Araújo (PSDB). Professor Rony (PTB) e Amauri Cardoso (PSDB) afirmaram que a atitude dos PMs reforçou os valores da corporação. “É essa polícia que a gente sempre quer ver. [...] Que vocês sejam homens que defendam a vida, literalmente”, afirmou Rony. “A função de vocês é realmente essa, salvar vidas, mesmo que às vezes tenham que usar o rigor”, argumentou Cardoso.

Salvamento - O bebê se afogou ao cair na piscina de casa e parentes chamaram a polícia, após não conseguirem contato com os serviços de socorro de saúde. O soldado Almeida realizou manobras de salvamento no bebê e, durante o trajeto, os PMs encontraram a ambulância do Siate que levou o menino ao hospital. “Foi muito gratificante ajudar a salvar uma vida, porque essa é a principal função da Polícia Militar”, destacou.

A ação foi registrada em vídeo pelo tenente Castro, que fazia parte da equipe. Aos vereadores ele relatou o desespero da família e a emoção sentida durante o salvamento. “Realmente, chegou um momento em que a gente perdeu a voz, duvidou e até desacreditou que a gente pudesse ter um final feliz, tamanha a dificuldade de lidar com essa situação de uma criança afogada”, explicou. De acordo com o tenente, o bebê segue internado na UTI do Hospital do Coração de Londrina, mas está com uma condição de saúde estável.

João Martins (PL) ressaltou a presteza dos policiais militares no atendimento. “Com certeza eles foram instrumento de Deus para salvar aquela criança e trazer alegria e paz para aquela família que estava em desespero”, argumentou. Madureira (PTB) ressaltou que é preciso divulgar ações positivas da Polícia Militar. “É importante que esta Casa mostre para Londrina e para a mídia os valores dos nossos policiais”, argumentou.

Melhorias

Os vereadores aproveitaram a participação virtual dos policiais militares para defender melhores condições de trabalho para os PMs em Londrina. “Vi num programa de tevê que está faltando combustível para as viaturas da PM. Governador, essas pessoas não podem ficar sem condições de trabalho”, cobrou Eduardo Tominaga (DEM). Já Péricles Deliberador (PSC) sugeriu que a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar, responsável pela segurança na região norte de Londrina, seja promovida a batalhão. “O trabalho é muito grande e nós, vereadores, temos que brigar para que a 4ª Companhia seja transformada em um batalhão, [sediado] em um espaço decente, com soldados e equipamentos para que a nossa população tenha segurança”, afirmou.

Vinicius Frigeri/Asimp/CML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios