Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Foram destinados eletrônicos que irão auxiliar no trabalho do Legislativo, sem gerar custos para os cofres públicos

A Câmara Municipal de Londrina (CML) recebeu a doação de um lote de mercadorias apreendidas pela Delegacia da Receita Federal de Londrina. Os equipamentos avaliados em R$ 42.425,25 serão utilizados no trabalho do Legislativo. Entre os produtos há celulares e tablets.

De acordo com o presidente do Legislativo, vereador Jairo Tamura (PL), o repasse é importante pois os equipamentos serão usados no dia a dia da Câmara, facilitando o trabalho dos vereadores, sem gerar custos para os cofres públicos. Conforme o presidente, os tablets e celulares serão para uso dos parlamentares durante o trabalho em plenário, para que possam acessar a íntegra dos projetos de lei em discussão, reduzindo os gastos com impressão e papel quando as sessões presenciais forem retomadas, o que ainda não tem previsão de ocorrer devido à pandemia de covid-19. “Nos preparando para o futuro, nas sessões da Câmara, é necessário que tenhamos instrumentos com capacidade de poder gerar economia de papéis. Estes equipamentos são instrumentos de trabalho que queremos utilizar no dia a dia da Câmara, nas reuniões de comissões e sessões”, explicou.

Com os equipamentos também será possível, entre outras funções, assinar eletronicamente os documentos relativos ao mandato parlamentar, já que toda a tramitação de proposições no Legislativo é feita de forma on-line. Os tablets e celulares serão fornecidos sem chips ou plano de telefonia ou dados, o que ficará a cargo de cada vereador, não gerando custos para a Casa. Os eletrônicos serão incorporados ao patrimônio da Câmara de Londrina e terão o uso regulamentado antes de serem destinados internamente. A entrega oficial dos itens foi feita na última segunda-feira (14), no depósito da Receita Federal, com a presença do delegado Reginaldo Cezar Cardoso. O vereador Santão (PSC), que é policial rodoviário federal, também participou da articulação para conseguir as doações para o Legislativo.

Vinicius Frigeri/Asimp/CML

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.