Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ação visa marcar o Dia Mundial de Luta Contra a Aids e conscientizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce e do tratamento adequado

Para estimular a população a realizar testes rápidos para a detecção de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Testagem e Aconselhamento Dr. Bruno Piancastelli Filho (CTA), irá ampliar o horário de atendimento na próxima semana. De segunda-feira (6) até quinta-feira (9), os profissionais atenderão das 7h às 18h, na Alameda Manoel Ribas, 01, segundo andar, no Centro.

O objetivo é conscientizar a população sobre a importância de realizar os testes rápidos, voltados para o diagnóstico de infecções como a HIV/aids, sífilis e as hepatites virais. Quem participar da campanha receberá folder, preservativo e gel lubrificante. A intenção, segundo a dentista do Centro de Testagem e Acolhimento (CTA), Lázara Regina Rezende, é marcar o Dia Mundial de Luta Contra a Aids, celebrado em 1º de dezembro. “O teste rápido para o HIV é um importante meio de contenção da doença e auxilia no diagnóstico precoce, proporcionando um tratamento e acompanhamento do paciente mais adequado e com melhor qualidade de vida. Por isso, enfatizamos a importância de as pessoas fazerem o teste”, disse Rezende.

O Dia Mundial de Luta Contra a Aids foi instituído em 1987, para despertar a consciência da sociedade acerca da necessidade da adoção de medidas preventivas da doença e para reforçar a solidariedade e a compreensão com as pessoas portadoras do vírus.

Números

Em Londrina, de janeiro deste ano até o dia 23 de novembro, somente os profissionais do CTA realizaram 2.247 testes rápidos. Destes, 86 pessoas positivaram para a o vírus do HIV, sendo a maioria homens (77 pessoas). Grande parte dos infectados está na faixa dos 20 aos 39 anos de idade, ou seja, quase 80% dos casos são em jovens. No ano passado, de janeiro a dezembro, o número de indivíduos que testou positivo, no CTA, foi de 68 cidadãos. Ao todo, 1.537 haviam procurado o CTA, sendo que 61 homens e sete mulheres descobriram que estavam com a infecção. Com relação à idade, o percentual foi semelhante ao deste ano, chegando a 78,62% dos casos em pessoas jovens, dos 20 aos 39 anos.

Onde fazer o teste

O teste rápido para o HIV é ofertado no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Clínica Psiquiátrica da Vila Normanda, Hospital Zona Norte, Hospital Zona Sul, Penitenciária Estadual de Londrina (PEL), Maternidade Municipal Lucilla Ballalai, Maternidades do Hospital Universitário, Hospital Evangélico, Hospital do Coração e Hospital Mater Dei.

Para realizá-lo no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) é preciso agendar um horário pelo site da Prefeitura de Londrina https://www.londrina.pr.gov.br/agendamentos. Não é preciso estar em jejum para fazê-lo. Basta apenas levar um documento com foto para identificação e comparecer no dia e horário agendados. Quem tiver dúvida pode ligar de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30, para os telefones (43) 3378-0146 ou 3378-0147. O CTA fica na Alameda Manoel Ribas, 01, no Centro.

NCPML

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.