Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Compromisso público visa a recuperação econômica no momento de pandemia e a condução do planejamento estratégico para o crescimento sustentável

Na condução dos trabalhos que envolvem o Plano de Retomada da Economia e o fortalecimento do ecossistema de inovação de Londrina, o Sebrae/PR formalizou, na segunda-feira (3), o Pacto pelo Desenvolvimento de Londrina ao lado de entidades do setor empresarial, Prefeitura e Câmara Municipal da cidade. O compromisso público traz como urgente o trabalho por projetos pela recuperação da economia e estímulo ao emprego no cenário de pandemia, mas também o planejamento estratégico para o crescimento sustentável do município nas próximas décadas.

O Pacto pelo Desenvolvimento de Londrina elenca como estruturante o Plano de Retomada da Economia da cidade, elaborado pelo Sebrae/PR em parceria com a Prefeitura, com apoio do Núcleo do Desenvolvimento Empresarial, para identificar os principais setores afetados pela crise sanitária e as reais demandas para a realização de um plano de ação de curto prazo que visa a rápida recuperação do setor produtivo local.

Também é considerado urgente o fortalecimento do ecossistema de inovação para que Londrina se transforme em um ambiente cada vez mais favorável à criação de empresas de base tecnológica por meio do incentivo ao aprimoramento do processo de transferência de tecnologia entre academia e mercado. Uma das ações será a implantação do Centro de Inovação de Londrina (Tecnocentro) nas novas instalações construídas pela Prefeitura, em parceria com o Governo do Estado. O espaço implementará as estratégias desenvolvidas pela Governança do Ecossistema de Inovação.

São listados no pacto a aprovação, ainda neste ano, do Plano Diretor - Projeto de Lei 207/2018 e das leis complementares; o acompanhamento do processo de concessão das rodovias pedagiadas que atravessam o Norte do Paraná, assim como das novas concessões relacionadas a Londrina, como a do aeroporto; e a entrega do planejamento estratégico da cidade e o MasterPlan, que traça uma visão de futuro com diretrizes a serem cumpridas até 2040 focadas no desenvolvimento sustentável da cidade.

O consultor do Sebrae/PR, Sérgio Ozório, destaca que poucas cidades no país têm tantos instrumentos “nas mãos” neste momento para reinventar a matriz econômica e estimular o desenvolvimento econômico local. “Os projetos e propostas que estão em andamento vão impactar diretamente na recuperação econômica e no crescimento da cidade no curto, médio e longo prazo. Boa parte dessas ações acontecerão ou serão pensadas ainda em 2021”, afirma.

O secretário municipal de Governo, Alex Canziani, aposta que o caminho a ser trilhado encontrará muitos desafios, porém, enfatiza que os projetos estruturantes são importantes para o desenvolvimento da cidade. “O pacto assinado pelas lideranças políticas e empresariais e a sociedade civil organizada revela que, em meio a pandemia e ao momento crítico vivido pelo país, Londrina toma uma posição clara dos caminhos que quer seguir”, argumenta.

A presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil), Marcia Manfrin, diz que as entidades assumem o compromisso de contribuir com todos os projetos que visam potencializar reações positivas frente aos impactos da pandemia, e também de continuar atuando firmemente na elaboração de planejamentos estratégicos que vão de encontro ao crescimento sustentável de Londrina.

 "Temos um objetivo em comum, que é o de fazer com que Londrina evolua em todos os eixos possíveis. As ações que vêm sendo articuladas, como o Plano de Retomada e o Masterplan, caminham nesta direção e nos mostram que não há nada mais poderoso do que a união de forças”, afirma.

Asimp/Sebrae/PR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios