Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Equipe terá representantes da Comissão de Seguridade Social, de outros órgãos públicos e de entidades

Na sexta-feira (8) foi criado o Grupo de Trabalho (GT) sobre o Atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), com intermediação da Comissão de Seguridade Social da Câmara de Londrina, composta pelos vereadores Lenir de Assis (PT), Nantes (PP) e Eduardo Tominaga (DEM).

A intenção é discutir medidas para melhorar o atendimento aos segurados do INSS em Londrina. De acordo com Lenir de Assis, os vereadores têm recebido reclamações de usuários com dificuldades para acessar o sistema eletrônico da Previdência Social e para entender as novas regras de concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

 “As mudanças sistemáticas do INSS têm dificultado o acesso da população aos benefícios do INSS para além da aposentadoria. Estamos falando de BPC, que é o benefício para pessoa com deficiência e para idosos que não contribuíram para o INSS. A reclamação diária que chega à nossa Casa e a outros órgãos é que [as pessoas] não conseguem acessar os meios eletrônicos, e por falta de servidores, o INSS não está atendendo a contento o presencial, por causa da pandemia”, afirmou a vereadora.

Além dos parlamentares, o grupo de trabalho terá representantes de órgãos públicos e entidades como o INSS, Secretaria Municipal de Assistência Social, Secretaria Municipal do Idoso, Conselho Municipal de Assistência Social, Defensoria Pública da União (DPU), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Sindicato dos Servidores Públicos Federais em Saúde, Trabalho, Previdência Social e Ação Social do Estado do Paraná (Sindprevs). Outras instituições também podem ser convidados a compor o GT.

Vinicius Frigeri/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.