Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A programação cultural contará com música, vídeos, bate-papos ao vivo e curso de teatro

A Vila Cultural Canto do MARL realizará nos próximos 15 dias uma série de atividades culturais online e gratuitas. Entre os destaques da programação estão o início de um novo módulo do Curso Livre de Teatro de Rua e o lançamento do EP da banda Sala de Estar que encerra o evento no dia 31 de julho. Além disso, também estão previstas exposições audiovisuais e bate-papos ao vivo com artistas e produtores culturais.

As inscrições para o segundo módulo do curso livre de teatro do Canto do MARL já podem ser feitas no site do MARL (https://movimentodosartistasderuadelondrina.blogspot.com/). O curso será realizado entre os dias 28 de julho e 01 de outubro.

Banda sala de Estar lança seu primeiro EP

De Londrina, a Banda Sala de Estar participará da programação falando e musicando sobre a experiência de produzir seu EP de estreia. O lançamento recente foi produzido por meio de uma bem sucedida campanha de financiamento coletivo. Além do bate papo, a programação também já publicou um vídeo-poesia no dia 17 de julho elaborado pelo projeto patrocinado pelo Promic: Pluricoisadas. O vídeo já teve mais de 900 visualizações no Instagram e Youtube.

Participarão dos bate-papos, sempre nas terças-feiras às 19h, ao vivo as atrizes e produtoras culturais do projeto “As Marcas no Corpo”, também os produtores culturais Kennedy Piau Ferreira e Valéria Barreiros. As atrizes irão falar sobre a presença, as dificuldades e a importância das mulheres na arte. Piau e Valéria, por sua vez, vão falar sobre políticas públicas e a importância do Fórum Permanente de Cultura na cidade.

A programação diversificada vem sendo pensada a partir de uma série de experimentações e desafios que a Vila Cultural Canto do MARL vem enfrentando desde o início da pandemia do COVID-19. Com a recomendação de não realizar atividades culturais que promovam a aglomeração e pessoas, a Vila, cujo atendimento era essencialmente presencial, começou a experimentar novas linguagens e formatos para manter suas atividades em funcionamento.

Colaboradora da programação cultural, Raquel Pallma explica que a cultura requer presença física, mas, que em virtude do COVID-19 foi necessário se adaptar e aprender a cada dia. “Nosso objetivo, como artistas de rua, é descentralizar os espaços de produção e circulação de arte. Entretanto, vivemos um momento que exige prevenção. Evitar aglomerações é uma necessidade e uma recomendação da Organização Mundial de Saúde. Precisa ser seguida com seriedade para tornar-se uma medida eficiente” – Conclui.

A Vila Cultural Canto do MARL conta com o patrocínio do PROMIC – O programa Municipal de Incentivo à Cultura de Londrina.

Confira a programação completa:

17/07 - Cultura em Resistência: Vídeo-poesia: A batida - Pluricoisadas
21/07 - Live Cultura em Resistencia com “Marcas no Corpo” (transmissão adiada)
23/07 - Cultura em Resistência : “Clipe Manifesto”
28/07 - Live Cultura em Resistência  “A Cultura de Londrina Não Pode Morrer”
31/07 - Cultura em Resistencia: “Sala de Estar”

Vila Cultural Canto do MARL/Asimp
 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios