Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado estadual Cobra Repórter (PSD), vice-líder do Governo, manifestou seu total repúdio às agressões sofridas pelo repórter cinematográfico José Rodrigo Marquês, que trabalha na emissora RIC Record TV Londrina.

Na noite da terça-feira (28), durante a cobertura jornalística de um acidente de trânsito envolvendo um carro e uma motocicleta na região central de Londrina, José Rodrigo Marquês foi covardemente agredido no momento em que eram produzidas imagens. O condutor do carro, autor das agressões, teria avançado a preferencial e colidido contra a moto.

 “É inconcebível uma situação como esta: tal atitude não condiz com uma sociedade democrática e que preza valores, como a liberdade de imprensa. Peço às autoridades responsáveis a adoção de medidas que impeçam a repetição de violência contra jornalistas no exercício da profissão, além da apuração rigorosa e punição do agressor. Uma atitude como esta é uma afronta à liberdade de expressão, algo intolerável em um Estado Democrático de Direito”, ressaltou o deputado Cobra Repórter.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.