Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) abriu ontem (05), no auditório do DER/PR em Curitiba, as propostas de preços das empresas interessadas na obra de restauração e duplicação da PR-445 entre Mauá da Serra e o distrito de Lerroville. A licitação atraiu doze empresas e consórcios, que apresentaram propostas de preços variando entre R$ 148 milhões e R$ 198 milhões. O investimento estimado inicialmente era de cerca de R$ 217 milhões.

O prazo para concluir a obra é de 18 meses após assinatura do contrato e emissão da ordem de serviço. A elaboração do projeto integra o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transportes do Paraná, uma parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e os recursos da obra são do programa Avança Paraná.

 “Londrina e a região Norte não podem mais esperar: essa é uma reivindicação minha atendida pelo governador Ratinho Junior e pelo secretário estadual de Infraestrutura, Sandro Alex. Uma obra que vai proporcionar segurança e agilidade na principal ligação entre Londrina e Curitiba”, disse o deputado estadual Cobra Repórter (PSD), vice-líder do Governo.

O deputado lembra que esta é apenas a primeira de duas obras que o Governo do estado vai realizar na rodovia. Já estão trabalhando para lançar o edital que vai concluir a duplicação, entre Lerroville e Irerê, um trecho de 23 quilômetros, integrado com o seguinte, até Londrina, já inteiramente duplicado.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.