Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

As inscrições devem ser feitas até o dia 7 de janeiro, pelo Ambiente Virtual de Aprendizagem da Prefeitura

A Escola de Governo da Prefeitura de Londrina está com processo seletivo aberto para tutores. Podem participar servidores municipais efetivos interessados em exercer atividades de tutoria virtual em cursos semipresenciais ou integralmente on-line. Os selecionados irão atuar como tutores on-line das ações formativas ofertadas pela Escola de Governo, vinculada à Secretaria Municipal de Governo, e há vagas temporárias imediatas e também para formação de cadastro de reserva. O Edital nº 010/2021, que traz todos os detalhes sobre cada etapa, foi publicado na edição 4.242 do Jornal Oficial.

As inscrições foram abertas na segunda-feira (4) e devem ser feitas até amanhã, dia 7 de janeiro de 2021, às 17h, exclusivamente on-line. Os candidatos precisam, obrigatoriamente, efetivar sua inscrição pelo Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da Prefeitura. Para realizar o procedimento, é preciso acessar a página escoladegoverno.londrina.pr.gov.br/ com o cadastro, acessar a categoria Escola de Governo e depois a opção Editais. Posteriormente, selecionar o item EDITAL 010/2021 – SELEÇÃO DE TUTORES e, por fim, digitar a chave de inscrição indicada (TUTOR1-2021).

No decorrer do ato de inscrição, será necessário realizar o download de um formulário específico para Documentação Comprobatória que será preenchido com a relação de documentos pedidos, incluindo diplomas, certificados ou declarações. Dentre outros critérios, para serem selecionados os candidatos necessariamente precisam já ter o certificado de conclusão do curso de tutoria on-line oferecido pela própria Escola de Governo. O processo seletivo reserva 10% das vagas para os participantes na condição de pessoas com deficiência.

A diretora da Escola de Governo, Andrea Carvalho Beluce, enfatizou que a Prefeitura trabalha para ampliar seu quadro de tutores, com profissionais que estejam aptos e preparados para ministrar aulas e cursos on-line. “É necessário, e muito importante, investir na capacitação de servidores que possam atuar nas atividades virtuais ofertadas pela Escola de Governo. Isso se faz ainda mais urgente agora, pela nova realidade que vivemos devido à pandemia do novo coronavírus, situação que exige adaptações e traz novas demandas. Antes desse período, cerca de 35% a 40% das atividades da Escola de Governo eram semipresenciais ou totalmente on-line, e agora essa parcela corresponde a praticamente 100% das ações. Precisamos contar com novos tutores para ministrar os cursos e contaremos também com um cadastro de reserva”, afirmou.

Nesse sentido, Beluce informou que a Escola de Governo pretende abrir dez turmas para o curso de formação em tutoria on-line no primeiro semestre, e mais dez para o segundo semestre de 2021. “A ideia é ampliar essa cadeia de tutores, nas mais diferentes áreas de atuação, para que, cada vez mais, tenhamos cursos de qualidade sendo ofertados tanto dentro da Prefeitura como para a comunidade em geral. O Município conta com um capital humano muito rico e servidores altamente qualificados, então é necessário explorar esse potencial. Quanto mais servidores participando, mais atividades formativas poderão ser criadas e implantadas. É um ciclo que só proporciona benefícios e crescimento”, salientou.

Etapas e datas

Após a fase de inscrições do processo seletivo, aberto pelo Edital n° 010/2021, a lista de inscrições deferidas está prevista para ser publicada no dia 11 de janeiro.

Já na etapa de entrega documental é solicitado que os candidatos apresentem cópia digitalizada do formulário preenchido e assinado no período de 13 a 15 de janeiro de 2021, também na plataforma da Escola de Governo, na página Seleção de Tutores. Este item é obrigatório e de caráter eliminatório.

A documentação apresentada será avaliada por uma banca examinadora, designada pela Escola de Governo da Prefeitura, que averiguará sua validade, bem como emitirá, para fins de classificação no Processo Seletivo, o valor da pontuação obtida pelo candidato.

O Edital de Classificação Final será publicado na data provável de 28 de janeiro de 2021, após às 17 horas, no Jornal Oficial. Também ficará disponível na página utilizada para a realização da inscrição on-line. E a data de publicação da homologação final e convocação está prevista para o dia 3 de fevereiro.

Requisitos

Os servidores que desempenharão atividades de tutoria on-line deverão atender aos critérios estabelecidos nos artigos 38 e 39 do Decreto 296 de 07 de março de 2019, que dispõem sobre as atribuições e responsabilidades do tutor on-line. Para ocupar as vagas ofertadas, os candidatos devem cumprir os requisitos elencados pelo Edital 010/2021, dentro os quais serem servidores em efetivo exercício e lotados em órgãos da Administração Direta, entre outras exigências.

Gratificação

Para exercer as atividades de tutoria on-line, os servidores selecionados receberão pagamento de gratificação, conforme estabelece o artigo 181 da Lei nº 4.928/1992. A remuneração será atribuída conforme o nível de formação acadêmica do servidor, seguindo esta sequência: doutorado e pós-doutorado (R$ 100,00 hora/aula); mestrado (R$ 85,00 hora/aula); especialização (R$ 70,00 hora/aula); graduação (R$ 50,00 hora/aula). O pagamento máximo será de 25 horas/aula por mês.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios