Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Instituições unem-se para orientar empresas neste período de isolamento e fechamento das lojas

A pandemia do novo Coronavírus impacta nas vendas do comércio varejista, que precisou fechar as portas para os clientes em 23 de março na região de Londrina. Treze mil empresas do setor e cerca de 50 mil trabalhadores foram afetados. Desde então, os donos de pequenos negócios têm enfrentado dificuldades nas tomadas de decisões para lidar com a queda do faturamento causada pela crise.

Para auxiliá-los, o Sebrae/PR, em parceria com a Fecomércio PR, Sesc, Senac, Sindicato do Comércio Varejista de Londrina e Região (Sincoval) e Câmara da Mulher Empreendedora, criou um canal exclusivo de comunicação com o segmento. Para receber as orientações de forma gratuita, os interessados devem acessar o link https://forms.gle/yPMXXSazM8ieyzbn6 e inserir os dados da empresa no formulário. No documento, o empresário pode apontar que tipo de informação precisa.

As instituições ofertam consultorias nas áreas tributária, trabalhista, contábil, de recursos humanos, finanças, e-commerce, orientações para tomada de crédito, vendas em canais digitais (Whatsapp, Instagram, Facebook). As solicitações serão filtradas e encaminhadas para a instituição parceira responsável, que fará o contato com o demandante. O atendimento será realizado de segunda a sexta-feira.

A consultora do Sebrae/PR, Alessandra de Almeida, diz que a ideia é levar aos comerciantes locais informações de relevância e específicas para o segmento, que os ajudem na gestão dos negócios e a solucionar as principais dúvidas que possam surgir no caminho até a volta à normalidade. Ela lembra que o Sebrae/PR tem oferecido atendimento gratuito e online pelo www.sebraepr.com.br aos pequenos empresários desde o início da pandemia e das medidas de isolamento social.

O presidente do Sincoval, Ovhanes Gava, acrescenta que a força-tarefa busca levar as informações de forma didática aos empresários para que eles possam entender as medidas que estão sendo anunciadas pelos governos municipal, estadual e federal e tenham condições de tomar as melhores decisões em cada momento.

“Estamos trabalhando para elaborar materiais para atender as demandas das empresas e nada melhor do que ter o Sebrae/PR como parceiro, que tem a expertise para oferecer essas orientações. Cada entidade dentro da sua especialidade vai oferecer o suporte”, explica. Gava ressalta que os parceiros estão trabalhando de forma remota e todas as solicitações serão respondidas.

Adriano Oltramari/Asimp/Sebra

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios