Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Parceria foi estabelecida entre as partes durante uma visita organizada pelo secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, Alexandre Fujita

Ontem (27), às 7 horas, os produtores rurais entregaram alimentos direto do campo ao Hospital do Câncer de Londrina (HCL). Esta foi a terceira entrega organizada pelos produtores, após uma parceria firmada entre eles e a direção do hospital, com a ajuda do secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, Alexandre Fujita.

De acordo com o presidente da Associação dos Produtores Rurais de Londrina, Sérgio Adamiya, nesta segunda-feira, foram entregues cerca de 50 caixas de leguminosas, folhagens, frutas e verduras; como laranja, banana, salsa, cebolinha, brócolis, couve-flor, berinjela e outras. Além dessa entrega, outras duas foram feitas nos dias 26 e 19 de agosto. Os alimentos são produzidos e separados especialmente para a doação ao Hospital do Câncer.

“Cerca de 120 produtores rurais ajudam o Hospital do Câncer através do pagamento do carnê, mas nossa ideia era ajudar mais, porque são muitos atendimentos que eles realizam. São mais de 2 mil refeições que eles servem por dia e depois de uma conversa que tivemos com o diretor e de termos conhecido toda a estrutura do hospital resolvemos ajudar com a doação dos alimentos, que são de primeira qualidade, são os mesmos que comercializamos, mas que já separamos para a doação”, explicou o presidente.

Segundo o secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, Alexandre Fujita, a doação mostra o comprometimento dos produtores rurais e a atenção que eles têm para com o próximo, visto que os produtos entregues não são colocados à venda, e sim destinados diretamente à produção das refeições que são servidas aos pacientes do hospital. “Os alimentos comercializados por eles são frescos, de excelente procedência e vão direto da produção para a doação. Isso mostra a participação ativa dos produtores e a boa vontade deles, que nem colocam os produtos à venda. Já os deixam separados, para no domingo, depois do trabalho irem lá entregar e ajudar o próximo. É uma ação muito bonita e que deve ser incentivada”, disse.

A doação partiu de uma parceria estabelecida no dia 14 de agosto deste ano, após uma reunião entre os produtores rurais e a direção do Hospital do Câncer.  A entidade atende a oito regionais de saúde, englobando 223 municípios, além de pessoas de outros estados e países, como o Mato Grosso, Bolívia e Peru. Por dia, cerca de 1.200 atendimentos são realizados no HCL e mais de 600 pacientes passam pelo hospital, sendo que 90% dos procedimentos são pagos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), 8% advém de convênio e 2% de atendimentos particulares.

Com isso, para cada R$ 1,00 investido no atendimento gratuito à população, o SUS repassa R$ 0,67 ao hospital. Esta diferença de percentual repassado gera um defícit mensal que varia de R$ 1,2 a R$ 1,6 milhão, que é suprido com o auxílio das doações. Diariamente, são servidas 2.500 refeições no hospital, entre café da manhã, almoço e jantar. O cardápio é elaborado pela nutricionista de acordo com os alimentos disponíveis.

A parceria entre as instituições foi levada a todos os feirantes atuantes na Feira do Produtor Rural do centro e da região norte da cidade. A primeira acontece aos domingos, das 4h às 14h, na Rua Benjamin Constant, entre a Rua Professor João Cândido e a Avenida São Paulo, em frente ao Terminal Central. A segunda é realizada na Avenida Saul Elkind, entre as Ruas Azulão e Capitão do Mato aos domingos, das 4h às 14h. Circulam pela primeira feira, de 2 a 3 mil pessoas, já na segunda o montante é mais do que o dobro.

Aqueles que forem às feiras no domingo poderão contribuir com a ação solidária dos feirantes, que vão divulgar as formas de doação, como através das caixinhas, repasse de percentual das vendas, doações de alimentos e divulgação da venda de camisetas para a campanha do Outubro Rosa.

Ana Paula Hedler/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios