Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Recursos federais repassados em meio a pandemia serão utilizados para ampliar o parque tecnológico do hospital, que é referência em alta complexidade para a Covid-19

No momento em que o Brasil e o mundo lutam contra a maior crise sanitária de saúde da história, o Hospital Universitário de Londrina (HU) - órgão suplementar da Universidade Estadual de Londrina (UEL) -, recebe mais de R$ 300 mil para a melhoria do arcabouço tecnológico. O recurso de duas emendas indicadas pelo deputado federal Enio Verri (PT) já está liberado para a aquisição de um arco cirúrgico com intensificador de imagens em tempo real e sistema de monitores com suporte móvel, equipamento amplamente utilizado em procedimentos de cirurgia geral, ortopedia e neurologia.

As emendas pagas neste mês ao HU/UEL pelo Governo Federal são nos valores de R$ 286.319,80 e R$ 13.680,20. O hospital tem quase 500 leitos à disposição do Estado do Paraná para o atendimento de diversas especialidades médicas e, durante a pandemia, se tornou referência em alta complexidade para a Covid-19 na cidade e região. O novo equipamento adquirido vai permitir que os médicos cirurgiões monitorem o progresso das cirurgias e façam imediatamente as correções durante os procedimentos cirúrgicos.

Para a diretora e superintendente do hospital, Vivian Feijó, os recursos vêm em um excelente momento e impactarão de forma positiva no desenvolvimento e na ampliação do parque tecnológico do HU de Londrina. “Com a destinação das duas emendas, vamos qualificar a nossa assistência médica e melhorar a saúde dos pacientes que precisam dos nossos procedimentos e cuidados. Portanto, deixo aqui o meu reconhecimento e a minha gratidão ao deputado federal Enio Verri, por ter escolhido o nosso Hospital Universitário para este importante investimento em saúde”, destaca a superintendente.

O reitor da Universidade Estadual de Londrina, Sérgio Carvalho, também enalteceu a ação do deputado federal. “Enio Verri é um político comprometido com as políticas públicas ligadas às universidades paranaenses e aos hospitais universitários, em especial ao HU/UEL. E isto nos deixa muito felizes, pois essas emendas designadas nos ajudam a manter o hospital e a prestar o melhor atendimento possível aos pacientes que não são somente da cidade, mas também de dezenas de municípios da região”, explica o reitor. 

Ascom/Deputado Federal Ênio Verri

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios