Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Londrina 05/03/2018  09h34

Londrina inicia o ano criando novos postos de trabalho

Dados do Caged registraram 136 vagas criadas na cidade; setores de serviços e indústria de transformação se destacam

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados no último dia 2 pelo Ministério do Trabalho apontaram um saldo positivo entre admissões e desligamentos de 136 vagas em Londrina no mês de janeiro. Os setores que mais contribuíram para essa evolução foram os de serviços, com a criação de 267 postos, e da indústria de transformação, com 80 novas vagas. A variação do saldo de empregos registrou um crescimento de 0,09% nos posto de trabalho. Foram 5.795 admissões frente a 5.659 demissões.

Para o secretário municipal do Trabalho, Emprego e Renda, Elzo Carreri, os dados são para se comemorar. “Tivemos uma retração natural do setor de comércio no período pós-Natal, quando os contratos temporários são encerrados, com o desligamento de 237 trabalhadores. Mesmo com esse cenário Londrina fechou janeiro com 136 vagas criadas. É cedo para se falar em consolidação da recuperação. Precisamos aguardar os próximos dados para podermos efetivamente classificar isso como uma retomada, mas é um indício muito positivo”, analisou.

O secretário destacou o setor de indústria de transformação como o grande diferencial dessa evolução. “Apesar do maior saldo ter vindo dos serviços, que é um setor historicamente com muita movimentação na nossa cidade, podemos creditar o bom desempenho apontado pelo Caged principalmente à indústria. Foi um setor que voltou a crescer em todo o Paraná, durante 2017, após três anos de retração. A alta do setor no Estado foi de 4,4% no ano passado, terceiro melhor desempenho no país e Londrina acompanhou essa evolução”, explicou Carreri.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios