Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Prefeito e presidente da COHAB-LD receberam famílias do Conjunto Habitacional Nova Conquista, que receberá lotes urbanizados no Jardim Kobayashi

A Prefeitura de Londrina continua trabalhando para garantir moradias dignas para a população de baixa renda de Londrina. Na sexta-feira (30), o prefeito Marcelo Belinati recebeu diversas famílias do Jardim Nova Conquista, que serão atendidas pelo Programa de Lotes Urbanizados, desenvolvido pela Companhia de Habitação de Londrina (COHAB-LD), que contempla terrenos localizados no Jardim Kobayashi, região sul, com toda infraestrutura necessária para construção de residências.

Para que isso fosse possível, o prefeito sancionou a Lei nº 12.902/2019, que desafeta área do Município e autoriza sua permuta por outra propriedade da Companhia de Habitação de Londrina (COHAB-LD), para implantação de lotes urbanizados. Com isso, a Prefeitura passou duas áreas para a COHAB executar a implantação dos lotes e a COHAB-LD transferiu um imóvel, localizado na Rua Virgínia, Jardim Kennedy, à Prefeitura, que irá abrigar a nova sede da Secretaria Municipal de Educação.

A área localizada no Jardim Kobayashi, na Gleba Ribeirão Cambé, região sul, está situada entre as ruas Capitão João Busse, Charles Lindemberg e Avenida das Américas. No local, poderão ser atendidas cerca de 19 famílias. A outra área fica no Jardim Maria Lúcia, entre as Ruas Yoshimasa Suzuki, Vitalina Favoreto e Rua Antônio C. Coral, região oeste, e possui 19.598,97 metros quadrados. Neste local, a previsão é atender outras 77 famílias.

O prefeito Marcelo Belinati destacou que a Prefeitura está executando um trabalho que envolve desde a construção de moradias populares, lotes urbanizados, até regularização fundiária, para atender as famílias de baixa renda. “É um conjunto de ações que estão sendo feitas desde que assumimos a administração, no sentido de dar moradias às famílias que mais precisam. Estudos mostram que pessoas que têm casa própria vivem mais felizes e se divorciam menos. Muitas deixam de se casar por não ter uma residência ou vão morar na casa dos pais. Por isso, um dos nossos focos é construir moradias populares, ofertar lotes urbanizados e promover a regularização das moradias já existentes, no sentido de dar acesso à casa própria, para as pessoas que mais precisam”, disse.

Um dos moradores do Nova Conquista, presente na reunião, Robson Alves Moreira, agradeceu ao prefeito Marcelo Belinati e toda a equipe da COHAB. “Estamos lutando há anos por moradias. O dia de hoje representa um grande passo, porque a cidade não construía moradias para pessoas de baixa renda há muito tempo. Esperamos que outras famílias também sejam contempladas como as nossas. Hoje, boa parte das pessoas que estão aqui moram em fundo de quintal, com os pais, em fundo de vale, ou pagando aluguel, por isso estamos muito contentes e agradecidos com o que hoje se concretiza”, enfatizou.

Segundo o presidente da COHAB-LD, Luiz Cândido de Oliveira, no caso dos moradores do Nova Conquista, a COHAB-LD irá fornecer os lotes urbanizados às famílias, com toda a infraestrutura necessária para construção de residências, e a família receberá o projeto de sua nova moradia, com orientação técnica, para que ela consiga construir a sua casa, de acordo com suas condições financeiras. “Com a transferência das propriedades para a Companhia, os técnicos iniciarão o planejamento e o levantamento topográfico das áreas”, informou.

Segundo Oliveira, a área localizada no Jardim Maria Lúcia poderá comportar blocos de apartamentos contendo Pavimento Térreo e mais três Pavimentos Superiores. “Assim que concluirmos os estudos, vamos apresentá-los ao prefeito para prosseguirmos com os projetos de implantação de unidades habitacionais. Essa parceria entre a Prefeitura e a COHAB-LD vai atender o anseio de moradia da população e aos poucos estamos sanando o déficit habitacional do município”, afirmou.

O presidente da Companhia também destacou que a COHAB-LD está atuando em três frentes: atendimento às famílias que não têm condições de pagar por um imóvel; àquelas que podem comprometer uma parte de seu rendimento para adquirir um imóvel; e àquelas que podem fazer um financiamento pelo Programa Minha Casa Minha Vida.

A prefeitura, por meio da COHAB-LD, também está promovendo a regularização fundiária de imóveis que estavam sem regularização há muitos anos. Até agora, nesta gestão foram entregues aproximadamente 330 escrituras devidamente registradas em Cartório de Imóveis do Município e ainda há outras 1.863 famílias para serem titularizadas. “Além de garantir cidadania a estas famílias, esse é um dos processos mais rápidos e econômicos para o município, pois surte um resultado imediato, já que não há necessidade de investir em infraestrutura, pois são famílias que já têm residência fixas nestes locais e já se utilizam dos serviços prestados pelo município como saúde, educação, transporte, entre outros”, afirmou o presidente da COHAB-LD.

O vereador Jairo Tamura, que intermediou a reunião entre os moradores do Jardim Nova Conquista e o prefeito, parabenizou a administração municipal por atender as reivindicações da comunidade. “O terreno localizado no Jardim Kobayashi é da prefeitura há muito tempo, mas nunca ninguém se preocupou com isso. O prefeito Marcelo Belinati aceitou o pedido da comunidade e brigou por essa ideia até que ela se tornasse realidade”, frisou.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios